Futuro na política? Nome de Gianluigi Buffon é vinculado à campanha eleitoral na Itália

Em entrevista à Vanity Fair, Vittorio Sgarbi, um dos idealizadores do partido Rinascimento, citou Buffon como Ministro dos Esportes de sua chapa

Futuro na política? Nome de Gianluigi Buffon é vinculado à campanha eleitoral na Itália
(Foto: Claudio Villa/Getty Images)

Muito se fala sobre o futuro de Gianluigi Buffon após a sua aposentadoria. Com 39 anos de idade, o arqueiro já concedeu entrevistas tratando a Copa do Mundo da Rússia, em 2018, como a última cena de sua vitoriosa e longeva carreira.

Resiliente à ideia de ser treinador, é bastante provável que o ídolo bianconero assuma um cargo administrativo dentre o corpo de diretores da Juventus. Afinal de contas, já são 17 temporadas vestindo a camisa juventina. 

Todavia, caso isto não aconteça, o veterano goleiro tem 'portas abertas' em um outro ramo. Isto nas palavras de Vittorio Sgarbi, entusiasta e idealizador de um novo partido político italiano, chamado Rinascimento

Em entrevista concedida à Vanity Fair, Vittorio Sgarbi trouxe o nome do goleiro juventino em sua campanha eleitoral. Nas palavras do político, Buffon ocuparia posição importante caso o Rinascimento vencesse as eleições.

"Se nós ganharmos as eleições, Gianluigi Buffon será nosso Ministro dos Esportes. Ele é uma pessoa extremamente equilibrada, representa muito bem a nossa nação e está prestes a se aposentar", afirmou.

Com história na política, Vittorio Sgarbi lançou o Rinascimento em janeiro de 2017. Com a forte pauta de valorização das artes e outras manifestações culturais, o político confirmou o apoio de Gianluigi Buffon.

"Buffon está interessado em artes e política, e mostrou grande interesse nas propostas apresentadas pelo Rinascimento, chegou até a me escrever sobre isso. Nós fomos ver uma exposição de arte em Trieste e ele confirmou seu apoio à nossa campanha", concluiu.