Apesar de revés no dérbi, Montella vê Milan evoluindo: "Com esse espírito não vamos perder mais"

Diavolo levou terceiro gol de Icardi nos acréscimos do segundo tempo e saiu derrotado do Derby della Madonnina

Apesar de revés no dérbi, Montella vê Milan evoluindo: "Com esse espírito não vamos perder mais"
Revés para a Inter deixou o Milan de Montella longe dos primeiros colocados (Foto: Marco Bertorello/AFP)

Quatro vitórias e quatro derrotas em oito jogos. Ao contrário do que se esperava, o saldo do Milan neste início de Serie A é preocupante. Com elenco reformulado – 11 contratações e 12 saídas na última janela de transferências –, o time caminha aos trancos e barrancos. A derrota no dérbi para a Internazionale causou mais críticas ao time de Vincenzo Montella. Mas, segundo o técnico, nada está perdido, pelo contrário.

Em entrevista ao canal Mediaset Premium após a partida, o ex-atacante exaltou a atuação da equipe na segunda etapa, e se mostrou confiante na evolução de seus comandados.

"Eu vi uma grande reação no segundo tempo", destacou. "Criamos sete ou oito chances de gol e jogamos com alma de Milan, o que eu gosto. Estou muito otimista porque vejo uma equipe que está progredindo com os conceitos corretos. Eu vejo o copo meio cheio e quero continuar este projeto", acrescentou.

A Inter dominou as ações no primeiro tempo. Mauro Icardi abriu o placar e Antonio Candreva chegou a carimbar o travessão do Diavolo. O Milan, no entanto, voltou melhor para os 45 minutos finais,  pressionou os nerazzurri e buscou dois empates – 1 a 1 e 2 a 2. Mas, mas no último minuto do tempo regulamentar, Icardi converteu um pênalti e deu o triunfo à Beneamata.

Sob a batuta de Icardi, Inter impôs a quarta derrota do Milan na Serie A 2017/18 (Foto: Miguel Medina/AFP)
Sob a batuta de Icardi, Inter impôs a quarta derrota ao Milan na Serie A 2017/18 (Foto: Miguel Medina/AFP)

"A Inter foi mais cínica que nós, mas estou feliz pelo desempenho. Devemos repetir, porque com esse espírito não vamos perder mais", pontuou Montella, que explicou os motivos que o fez abrir mão do esquema 4-3-3 para aderir ao 3-5-2.

"Nós jogamos a cada três dias e não temos peças para atuar com o 4-3-3, porque só temos Suso e Bonaventura para as pontas. Com o 3-5-2, criamos muito contra uma grande Inter. Não mudamos o esquema por causa de Bonucci", assegurou.

Com a derrota, o Milan caiu para o décimo lugar, a sete pontos da Juventus, que abre a zona de classificação à Uefa Champions League. Questionado se ainda é possível chegar ao grupo dos quatro primeiros colocados, Montella se mostrou otimista. "Absolutamente sim", respondeu. "Agora todos acham que é inalcançável, mas o campeonato é longo", concluiu.

Agora, o Milan vira a chave e foca na Uefa Europa League. Na quinta-feira (19), às 17h05, os rossoneri têm compromisso contra o AEK Atenas, no San Siro, em Milão, pela terceira rodada da fase de grupos da competição.