Allegri critica 'precipitada' Juventus, mas comemora vitória suada contra o Benevento

Treinador mencionou certa "afobação" de seus atletas ainda na primeira etapa, mas parabenizou a luta e entrega de todos em busca da virada

Allegri critica 'precipitada' Juventus, mas comemora vitória suada contra o Benevento
(Foto: Daniele Badolato - Juventus FC via Getty Images)

No último domingo (5), a Juventus assustou seus torcedores, com um primeiro tempo bem abaixo da média contra o lanterna da Serie A. Apesar de todo o 'drama', os atuais hexacampeões italianos conseguiram sair do Allianz Stadium com os três pontos. Os gols de Gonzalo Higuaín e Juan Cuadrado deram à Juventus a vitória, de virada, contra o Benevento.

Em entrevista concedida ao canal Mediaset Premium, Massimiliano Allegri mostrou alívio com a virada juventina na segunda etapa. O treinador mencionou a precipitação de seus comandados durante os primeiros 45 minutos de jogo, mas parabenizou a entrega de todos em busca do placar positivo.

"Eu preciso cumprimentar os rapazes hoje, pois saímos atrás na única finalização ao gol que permitimos durante o primeiro tempo. Parecia um jogo 'amaldiçoado', mas precisávamos nos manter calmos, afiados e não tão precipitados como nos 45 minutos iniciais. Não foi nada fácil, estes jogos sempre são complicados", afirmou.

Artilheiro da Vecchia Signora na Serie A com 11 gols, o argentino Paulo Dybala não vive seu melhor momento na temporada e mais uma vez passou em branco. Individualmente, Allegri falou sobre a atuação de seu camisa 10 e do retorno de Marchisio, que fez sua primeira partida como titular após longo tempo afastado dos gramados por lesão.

"Dybala fez uma boa partida. Ele poderia ter anotado ainda mais gols em seus primeiros 17 jogos oficiais na temporada, mas neste momento precisa recuperar a boa forma e a agudeza. Marchisio foi muito bem, estou feliz com sua performance. Não esperava que conseguisse atuar por 90 minutos", comentou o comandante.

Entre os três primeiros colocados da Serie A, apenas a Juventus venceu na rodada. Napoli e Internazionale, outros postulantes ao Scudetto, empataram contra Chievo e Torino, respectivamente. O comandante citou as desventuras e dificuldades de um longo campeonato.

"O Napoli está fazendo coisas extraordinárias nesta Serie A, assim como a Inter e a Roma. Vencer jogos não é fácil, e não há vitórias garantidas. A temporada da Serie A tem 38 rodadas e eu sempre digo que precisamos navegar em velocidade de cruzeiro, pois muitas ondas fortes e batidas podem nos deixar doentes", concluiu.