De Rossi aponta classificação da Roma na UCL como caminho para recuperar prestígio internacional

Volante comemorou primeira colocação do Grupo C da Uefa Champions League, superando Chelsea e Atletico de Madrid

De Rossi aponta classificação da Roma na UCL como caminho para recuperar prestígio internacional
De Rossi acena para torcedores após vitória contra o Qarabag, que sacramentou primeira colocação romanista (Foto: Giuseppe Maffia/NurPhoto via Getty Images)

Quando o sorteio dos grupos da Uefa Champions League reservou à Roma um grupo com Chelsea, atual campeão inglês, e Atletico de Madrid, nem o mais otimista torcedor giallorosso esperaria que, ao término das seis rodadas desta primeira fase, a equipe se classificasse às oitavas de final na primeira colocação da chave. O sentimento parecia ser o mesmo para Daniele De Rossi, capitão do time. Talvez pelo fato de ter sido formado na base do clube e se declarar torcedor, o camisa 16 também tenha compartilhado do pensamento.

Ao comemorar a vitória contra o Qarabag, que foi importantíssimo para a classificação romanista, ao empatar duas vezes com os espanhóis do Atleti, De Rossi ressaltou que todos sabiam das dificuldades que enfrentariam no Grupo C da Champions, e aproveitou para afirmar que avançar às oitavas foi uma maneira importante de restaurar a imagem da Roma no cenário internacional.

"Sabíamos que seria complicado, mas conseguimos o resultado que todos queríamos, e que talvez nenhum de nós esperássemos quando vimos o sorteio, no fim. É um resultado espetacular para nós, para nossa confiança, para o resto de nossa temporada e para a reputação da Roma em termos internacionais. Estamos felizes", afirmou o capitão.

Principal líder do elenco após a aposentadoria de Francesco Totti, o italiano de 34 anos também fez questão de destacar a importância do treinador Eusebio Di Francesco, que assumiu a equipe no início dessa temporada, para o sucesso da Roma na primeira metade da jornada: "Spalletti conseguiu nos colocar de volta nos trilhos. Ele fez um trabalho fantástico e é o técnico que me ensinou mais do que qualquer outro, mas Di Francesco surpreendeu a todos. Ele chegou e instantaneamente nos levou a outro nível na Europa. Ele faz com que tenhamos o mesmo estilo de jogo agressivo, não importa contra quem estejamos jogando", apontou.