Salah recorda período vivido na Roma e exalta torcida: "São muito apaixonados"

Egípcio, vivendo grande fase no Liverpool, também elogiou Luciano Spaletti, seu antigo treinador

Salah recorda período vivido na Roma e exalta torcida: "São muito apaixonados"
O egípcio de 25 anos foi eleito o jogador do mês de novembro na Premier League (Foto:Alex Livesey/Getty Images)

Certamente, um dos destaques da Premier League desta temporada é Mohamed Salah. O egípcio, recém-chegado ao Liverpool, foi o melhor jogador do mês de Novembro no campeonato e concedeu entrevista nesta terça-feira (19) ao site oficial dos Reds.

Vindo da Roma por €40 milhões, o camisa 11 já teve passagens pela terra da Rainha, onde não foi aproveitado pelo Chelsea, que o emprestou para a Fiorentina, onde chamou atenção da Roma.

Entre 2015 e 2016, período em que defendeu o clube da capital, Salah marcou 34 gols em 83 partidas - onde veio a atingir seu ápice em seu retorno à Inglaterra, e também quando fez o gol da classificação da seleção do Egito para a Copa do Mundo de 2018.

"Eu tive dois grandes anos na Roma, fui muito, muito feliz lá. Não é um lugar fácil de se jogar seja fora ou no Olímpico. Existe muita pressão da torcida, e isso é o diferencial. Eu não sei explicar, mas é um clube diferente, tudo é muito incrível lá, os torcedores são muito apaixonados", revela Salah.

Além de contar sobre o clima que é jogar pela Roma, Salah não poupou elogios ao seu ex-treinador, hoje na Internazionale, Luciano Spalletti.

"Spalletti me ajudou muito. Ele é um cara muito esperto. Toda vez após os treinos, eu ia falar com ele 'Chefe, eu quero melhor nisso, mudar aquilo' e ele nunca me dizia 'não'. Mesmo quando percebia que estávamos cansados, ele exigia cada vez mais de nós. Além disso, ele me ajudou muito como pessoa, a melhorar a minha personalidade. Defensivamente me ajudou também, 100%. Ele me mostrou o caminho para defender com a equipe e eu me vi melhorando, respeito e agradeço muito ele por isso", finalizou