Eusebio Di Francesco admite que Roma não está pronta para disputar o título da Serie A

Técnico fala sobre ausência de vitórias nos últimos jogos e que time precisa reencontrar o equilíbrio

Eusebio Di Francesco admite que Roma não está pronta para disputar o título da Serie A
Di Francesco revela falta de esperanças para título (Foto: Divulgação/AS Roma)

Nesta quarta-feira (10) o técnico da Roma, Eusebio Di Francesco, revelou que a briga dos giallorossi pelo troféu da Serie A esfriou, visto que nos últimos três jogos apenas um ponto foi conquistado, com um empate e duas derrotas. O treinador inclusive afirmou que, no último jogo o time atuou de uma maneira anormal durante o primeiro tempo - jogou contra o Atalanta, que abriu dois gols de vantagem nos primeiros 20 minutos - e mesmo com um jogador a mais durante todo o segundo tempo, conseguiu apenas marcar um gol com Dzeko.

"Ainda não fizemos um salto de qualidade para provar que podemos lutar pelo título. Nós não somos o time que jogou o primeiro tempo contra a Atalanta, trabalhamos de maneira muito positiva. "Até vinte dias atrás fomos considerados uma revelação e tinhamos feito muito bem na Liga dos Campeões" disse o técnico", afirmou Di Francesco.

A distância para o lider Napoli agora é de 12 pontos e o time se posiciona na quinta colocação da tabela, fora da zona de classificação para a Uefa Champions League, campeonato onde o time da capital italiana, nessa temporada, faz em boa campanha - se classificou em primeiro do grupo C - e vai enfrentar nas oitavas de final o Shakhtar Donetsk.

O italiano também foi questionado sobre a insistência na titularidade do jogador Patrik Schick, atacante que, até o momento, ainda não balançou as redes pela Roma: "Ás vezes tendemos a destruir jogadores de futebol precipitadamente. Devemos deixá-los expressar seu potencial" relatou, mostrando confiança no jovem de 21 anos. 

Vice campeã da temporada passada, a Roma volta a jogar pela Serie A daqui a duas semanas, fora de casa contra a Internazionale. O jogo será no domingo (21) às 17h45 no horário de Brasília. Mesmo com um jogo a menos, se vencer a partida no Giuseppe Meazza, os lobos igualarão aos 42 pontos da Inter na tabela.