Sacchi diz que Sarri levou Napoli 'ao futuro' e põe Allegri na galeria dos melhores técnicos italianos

Ex-treinador analisa ambos os comandantes e opina sobre 'novo' Milan: "É uma incógnita em tudo"

Sacchi diz que Sarri levou Napoli 'ao futuro' e põe Allegri na galeria dos melhores técnicos italianos
Sacchi é um fiel defensor da beleza do jogo (Foto: Mario Carlini/Iguana Press/Getty Images)

O icônico ex-treinador Arrigo Sacchi exaltou e analisou os técnicos do momento no futebol italiano: Massimiliano Allegri, da Juventus, e Maurizio Sarri, do Napoli. Ambos os comandantes vêm brigando pelo Scudetto. Allegri estabeleceu uma supremacia de seis anos terminando como vencedor da Serie A, enquanto o time de Sarri tenta desafiar essa hegemonia bianconera.

Em entrevista à Gazzetta dello Sport, Sacchi colocou Allegri na prateleira dos melhores técnicos italianos da história. Mas, como um verdadeiro defensor da beleza do jogo, pediu que o comandante evolua para conseguir "entreter" os apreciadores do belo futebol.

"Allegri é um dos melhores treinadores italianos de todos os tempos", disse Allegri ao jornal. "Ele é muito bom em elevar sua qualidade ao máximo. O herói é quem faz o que pode fazer, diz Romaine Rolland. Max [abreviação de Massimiliano] sabe como conseguir uma equipe de heróis e, por isso, ele vence. Mas eu gostaria que, além da qualidade, ele elevasse também os valores, isto é, tentar divertir e emocionar. Não seria apenas um vencedor, mas um vencedor digno".

+ No seu aniversário de 70 anos, Arrigo Sacchi exalta a beleza do jogo: "O futebol nasce da mente"

+ Milan de Sacchi vs. Bayern de Guardiola: qual time é o melhor?

Principal rival da Juventus de Allegri, o Napoli não tem a mesma receita e não desfruta de elenco tão qualificado como o da Vecchia Signora. No entanto, tem encantado o mundo do futebol com um estilo de jogo bonito, ofensivo e encantador. O principal responsável é Sarri, a quem Sacchi afirma que alçou o time do Sul da Itália ao futuro.

O Napoli tem 51 pontos e lidera a Serie A 2017/18, com um ponto de vantagem para a Juventus

"Ele levou o Napoli ao futuro. Não tem um grande jogador e ainda imprime um grande futebol de qualidade e valores. A confirmação é que muitos jogadores melhoraram: Koulibaly, Ghoulam, Mertens, Insigne... O Scudetto seria o prêmio justo à beleza e à generosidade. Mas o Napoli não tem os recursos da Juventus, que pode tirar os 36 gols de Higuaín e inserir alternativas como Cuadrado", analisou. "O que quer que aconteça, Sarri já ganhou", sentenciou.

Sacchi também opinou sobre o Milan, que investiu bastante antes do início desta temporada com o dinheiro dos chineses e não conseguiu engrenar. Os maus resultados custaram o cargo de Vincenzo Montella, sucedido pelo ex-jogador Gennaro Gattuso. A equipe rossonera ocupa a nona colocação da Serie A, 12 pontos atrás da Lazio, primeiro time dentro da zona de classificação à Uefa Champions League.

"É uma incógnita em tudo. Uma campanha de compra surpreendente foi feita, mas o jogo foi colocado no centro do projeto? O profissionalismo e a compatibilidade dos escolhidos foram avaliados? Eles são adaptados ao jogos? Gattuso recebeu uma batata quente, mas ele sabe como tirar o melhore de todos", concluiu.