Holanda vence Suécia com dois gols de Robben, mas não tira saldo e fica fora da Copa do Mundo

Camisa 11 tentou, mas holandeses não conseguiram o saldo suficiente e estão fora da próxima Copa. Desde a década de 80 que a 'Laranja' não disputava Euro e Mundial em sequência

Holanda vence Suécia com dois gols de Robben, mas não tira saldo e fica fora da Copa do Mundo
Foto: Getty Images
Holanda
2 0
Suécia
Holanda: Cillessen; Tete (Janmaat, min. 26'/2ºT), Van Dijk, Rekik e Aké; Tonny Vilhena, Blind e Wijnaldum (Klaassen, min. 26'/2ºT); Robben, Babel e Janssen (Bas Dost, min. 0'/2ºT). Técnico: Dick Advocaat.
Suécia: Olsen; Lustig, Granqvist, Lindelof e Augustisson; Sebastian Larsson (Olsson, min. 36'/2ºT), Johansson, Claesson (Svensson, min. 22'/2ºT) e Forsberg; Toivonen (Thelin, min. 30'/2ºT) e Marcus Berg. Técnico: Jane Andersson.
Placar: 1-0, min. 15'/1ºT, Robben. 2-0, min. 39'/1ºT, Robben.
INCIDENCIAS: 10ª rodada das Eliminatórias da Europa para a Copa do Mundo 2018, partida realizada em Amsterdan, na Holanda.

Com dois gols de Robben, a Holanda conseguiu vencer a Suécia na tarde desta terça-feira (10) por 2 a 0, mas não conseguiu o resultado necessário para alcançar a vaga na repescagem das Eliminatórias da Europa. Com isso, os holandeses estão fora da próxima edição da Copa do Mundo e os suecos estão na repescagem.

Para conseguir a vaga na repescagem, a Holanda precisava vencer a Suécia por sete gols de diferença, algo bem improvável. Até o atacante Robben, principal jogador da seleção holandesa, já havia entregado os pontos e dito que não podiam fazer mais nada.

+ Robben entrega os pontos e diz que Holanda não conseguirá golear Suécia para ir à Copa

A Holanda não ficava fora de uma edição da Copa do Mundo desde 2002. Nas duas últimas edições, terminou com o vice-campeonato na África do Sul em 2010 e em terceiro lugar no Brasil em 2014. Desde então entrou em decadência e ficou de fora também da Eurocopa de 2016. Os holandeses não ficavam sem participar da Euro e da Copa em sequência desde a década de 80.

Robben marca duas vezes e Holanda tenta improvável reação

Precisando de um milagre para garantir a vaga na repescagem das Eliminatórias da Europa e continuar sonhando com a Copa do Mundo, a Holanda dominou a Suécia no primeiro tempo. Porém, o começo foi de muita afobação por parte da seleção laranja.

A afobação holandesa foi passando aos poucos. O primeiro lance de perigo surgiu aos oito minutos, mas o goleiro Olsen defendeu o chute de Robben. Pouco depois, aos 15, Lidenlöf colocou a mão na bola e o árbitro marcou pênalti. O camisa 11, de cavadinha, abriu o placar.

De cavadinha, Robben colocou a Holanda na frente do placar (Foto: Getty Images)
De cavadinha, Robben colocou a Holanda na frente do placar (Foto: Getty Images)

A pressão da Holanda continuou na sequência. Aos 25 minutos, Wijnaldum aproveitou a sobra na área, mas a finalização saiu para escanteio e levou um pouco de perigo. Aos 31, Babel assustou em cobrança de falta. Cinco minutos depois, foi a vez de Tetel, sozinho, mandar por cima do gol de Olsen.

Apesar da pressão da Holanda, por pouco a Suécia não abriu o placar após o goleiro Cillessen e o lateral Aké baterem cabeça na área, mas Berg não aproveitou. Como diz o ditado que "quem não faz leva", aos 39 minutos o atacante Robben aproveitou o passe de Babel e ampliou o placar com um golaço.

Robben marcou dois gols no primeiro tempo, mas era insuficiente para a Holanda conseguir a vaga na repescagem (Foto: Getty Images)

Holanda não consegue manter pressão, placar não é o suficiente e Suécia avança para repescagem

A Holanda retornou para o segundo tempo pressionando a Suécia e acreditando em milagre. Com Robben bastante acionado, a pressão laranja teve o lance mais perigoso apenas aos 13 minutos quando Wijnaldum recebeu de Bas Dost e finalizou de primeira, mas o goleiro Olsen defendeu.

Depois da pressão inicial, a Suécia - que manteve a mesma postura defensiva do primeiro tempo - passou a ter mais controle do jogo. A Holanda errava bastante no último passe e não conseguia levar mais perigo.

O tempo passava e a missão ficava mais difícil para a Holanda. Mesmo cansado, Robben levou perigo aos 41 minutos, mas o goleiro Olsen salvou a Suécia. Sem mais tempo, o camisa 11 mais nada podia fazer e os holandeses estão fora da próxima Copa do Mundo.