Liverpool mostra forças ao vencer Villarreal e retorna a uma decisão europeia após nove anos

Reds dominam do início ao fim, vencem com autoridade e voltam a uma final europeia após nove anos

Liverpool mostra forças ao vencer Villarreal e retorna a uma decisão europeia após nove anos
Foto: Oli Scarff/AFP/Getty Images
Liverpool
3 0
Villarreal
Liverpool: Mignolet; Clyne, Touré, Lovren e Moreno; Can, Milner, Lallana e Coutinho (Allen, Min. 82); Firmino (Benteke, Min. 89) e Sturridge (Lucas Leiva, Min. 90+2). técnico: Jürgen Klopp
Villarreal: Aréola; Mario Gaspar, Musacchio, Victor Ruiz e Jaume Costa; Tomás Pina (Trigueros, Min. 60), Bruno Soriano, Jonathan Dos Santos (Bonera, Min. 73) e Denis Suárez; Soldado (Adrian, Min. 69) e Bakambu. técnico: Marcelino García Toral
Placar: 1-0, Bruno Soriano (OG), Min. 7; 2-0, Sturridge, Min. 63; 3-0, Lallana, Min. 81
ÁRBITRO: Viktor Kassai (HUN); cartões amarelos: Victor Ruiz (Min. 30), Clyne (Min. 35), Soldado (Min. 40), Denis Suárez (Min. 90+3); cartões vermelhos: Victor Ruiz (Min. 71)
INCIDENCIAS: partida de volta das semifinais da uefa europa league 2015/16, realizada no estádio anfield, em liverpool, inglaterra.

Nesta quinta-feira (5), Liverpool Villarreal fizeram o jogo de volta das semifinais da Uefa Europa League 2015/16. Em partida totalmente dominada pelos ingleses, Bruno Soriano, contra, Sturridge Lallana marcaram e os Reds venceram por 3 a 0, garantindo a vaga para a decisão do torneio, sua primeira final europeia desde 2007, quando a equipe foi derrotada para o Milan na Uefa Champions League daquele ano.

Em êxtase com a classificação, o Liverpool retorna à campo no sábado (7), às 11h, quando encara o Watford pela penúltima rodada da Premier League. Mesmo com a eliminação, o Villarreal não tem do que se arrepender, já que está classificado para, pelo menos, a pré-Uefa Champions League, pois está garantido na quarta colocação do Campeonato Espanhol. O Submarino Amarelo retorna aos gramados no domingo (8), às 12h, quando recebe o Deportivo La Coruña pela, também, penúltima rodada do campeonato.

Liverpool é melhor e sai na frente

O começo de jogo no Anfield foi muito bom e intenso, com o Submarino Amarelo chegando melhor nos primeiros cinco minutos. Logo aos 4', Soldado escorou após cruzamento e Mario Gaspar finalizou de primeira, mas Mignolet fez bela defesa. Um minuto depois, Bakambu fez boa jogada, ia perdendo a bola, só que a redonda bateu nele e sobrou para Jonathan Dos Santos, que finalizou por cima do gol dos Reds.

Só que na primeira boa chegada no jogo, os ingleses marcaram. Aos 7', Clyne recebeu com espaço na direita, cruzou rasteiro e Aréola cortou, mas a bola sobrou para Firmino, que mandou para a pequena área, Sturridge não acertou em cheio, a redonda bateu em Bruno Soriano e acabou morrendo no fundo das redes: 1 a 0 Liverpool.

Os Reds faziam um grande jogo no Anfield, dominando o meio de campo e as ações da partida, encurralando os espanhóis, que se defendiam como podiam e tentavam sair no contra-ataque. Mesmo assim, os ingleses não conseguiam tornar a pressão em bola na rede e quase que o Submarino Amarelo marcou no último lance da primeira etapa, quando Bakambu recebeu com espaço na área, girou finalizando, mas a bola saiu fraca e Mignolet fez a defesa que garantiu a vitória do Liverpool na primeira etapa.

Reds dominam mais uma vez, marcam dois e garantem vaga na final

A panorâmica do jogo não mudou no início de segunda etapa. O Villarreal era um time apático, que só queria se defender, enquanto o Liverpool jogava para frente, pressionando bastante o Submarino Amarelo. Os ingleses quase marcaram no início da etapa final em finalizações de Coutinho Milner, mas Aréola foi muito bem nas duas situações.

E depois de tanto pressionar em busca do segundo gol, o Liverpool chegou lá. Aos 18', Lallana cruzou com desvio, a bola sobrou para Firmino, que tentou emendar de canhota e acabou dando um ótimo passe para Sturridge, que recebeu e tocou por debaixo da pernas de Aréola. A bola pegou no goleiro francês, bateu na trave e foi devagar para dentro do gol: 2 a 0 Liverpool. Resultado mais que justo no Anfield.

Mesmo após tomar o segundo gol, o Villarreal não demonstrava que teria forças para chegar ao gol e isso piorou quando Victor Ruiz foi expulso. E tudo ficou impossível aos 31', quando Firmino foi até a linha de fundo, cruzou, Sturridge furou e a bola sobrou para Lallana, que apenas mandou para o gol na pequena área e mandou o Liverpool para a Basileia no dia 18 de maio: 3 a 0 Liverpool.