Fim da novela: Mourinho é anunciado como novo técnico do Manchester United

Treinador português chega a Old Trafford para substituir o holandês Van Gaal; contrato tem duração de três temporadas

Fim da novela: Mourinho é anunciado como novo técnico do Manchester United
Foto: Divulgação/Manchester United

Na manhã dessa sexta-feira (27), o Manchester United, enfim, oficializou José Mourinho como novo técnico da equipe. O português chega a Old Trafford após a demissão de Louis Van Gaal e será o terceiro treinador pós Alex Ferguson. O contrato assinado tem duração de três anos e irá até a temporada 2019/2020.

O ‘Special One’ chega à cidade de Manchester cercado de muita expectativa dos dirigentes dos Red Devils. O vice-presidente-executivo do clube, Ed Woodward, elogiou Mourinho: "José é simplesmente o melhor treinador de futebol do momento. Ele ganhou troféus e inspirou jogadores em países pela Europa e, claro, conhece a Premier League muito bem, com três títulos aqui”.

LEIA MAIS: Especulado no Manchester United, Ibrahimovic afirma que já decidiu por qual clube irá jogar

A missão do português não é das mais fáceis. Mourinho precisa recolocar o United no caminho dos títulos, tanto na Premier League como na Uefa Champions League, competição em que o Manchester United foi eliminado ainda na fase de grupos nessa temporada e que não jogará na próxima temporada, e provar que ainda é um grande técnico.

Há aproximadamente sete anos, o português foi perguntado se substituiria Alex Ferguson no comando dos Diabos Vermelhos e assim respondeu: "Talvez daqui 20 anos... Ele é forte, feliz, ama o futebol e é vencedor. Então acho que ele tem mais 20 anos pela frente".

Hoje, já como treinador do maior campeão da Inglaterra, não contém elogios e já fala em mística nunca antes encontrada. "Tornar-me técnico do Manchester United é uma honra especial no futebol. É um clube conhecido e admirado pelo mundo. Há uma mística e um romance que nenhum outro clube pode igualar", disse Mourinho ao site oficial do clube.

Mourinho quer começar logo a trabalhar e não escondeu isso em sua entrevista. “Eu estou feliz, orgulhoso e honrado. Mas a realidade é que preciso trabalhar e não vejo a hora de chegar o dia 7 de julho para entrar em campo. Acho que podemos ver o clube por duas perspectivas. Uma delas é sua história. Outra é o que aconteceu nos últimos três anos. Prefiro esquecer os últimos três anos”, afirmou.

O treinador português travará uma disputa especial com o técnico Pep Guardiola, que assumirá o Manchester City, rival da cidade. O primeiro jogo entre as duas equipes já está definido, será no dia 25 de julho, na China, em partida válida pela Internacional Champions Cup.

Após serem rivais na Espanha, Pep e José se reencontrarão na Inglaterra (Foto: Jose Jordan/Getty Images)
Após serem rivais na Espanha, Pep e José se reencontrarão na Inglaterra (Foto: Jose Jordan/Getty Images)

Especula-se que serão destinados 150 milhões de libras aproximadamente 786 milhões de reais) para contratações. A ideia é reformular parte do elenco dos Diabos Vermelhos e boatos já surgem na imprensa europeia. Nomes como Zlatan Ibrahimovic, James Rodriguéz, John Stones, Raphael Varane, Sadio Mané N’Golo Kanté são algumas das especulações.