Em entrevista, Mourinho volta a ressaltar grandeza do Manchester United

O técnico português foi entrevistado pela adidas Front Row e afirmou as metas que tem à frente do United

Em entrevista, Mourinho volta a ressaltar grandeza do Manchester United
O português colocou o United novamente como gigante (Foto: Anadolu Agency)

José Mourinho deu mais uma entrevista como novo técnico do Manchester United. Dessa vez o português foi entrevistado pelo site adidas Front Row. Na exclusiva o português não mostrou falsa modéstia, afirmou que espera por pressão da torcida red devil e enalteceu a grandeza do United.

Inicialmente Mou disse saber que a torcida espera muito do seu desempenho, visto que Van Gaal não foi bem a frente do time, além de elogiá-la: “Entendo que eles (os torcedores) esperam muito de mim, mas também eu espero bastante deles. Não tenho dúvidas de que estaremos felizes mesmo se não estivermos juntos, e eu acho que a paixão (que eles tem) por esse clube é realmente incrível”.

O treinador português ressaltou a importância do novo momento e a grandeza do clube, afirmando ser maior que tudo que ocorre dentro de Old Trafford e Carrington. “É um novo capítulo na vida do clube. Sempre quando se troca de treinador, sinto que é um momento triste, porém é um novo capítulo. Mas agora, trouxemos novas caras, vamos assegurar algumas, e por fim, não importa quem é o treinador ou os novos jogadores que ficam e saem, o Manchester United é o Manchester United e é muito maior do que qualquer um de nós”, ressaltou o Special One.

Novamente Mourinho não escondeu a felicidade e o orgulho de poder comandar o United: “Da paixão que os torcedores tem por esse clube, eu sinto que sou o homem do clube. Quando eu cheguei, vesti a camisa (do United) imediatamente, porque tenho orgulho de representar este clube. Vou dar o meu melhor para me fazer feliz e fazer as pessoas felizes”.

O técnico também não fugiu da sua característica, e declarou ter metas, sem ser modesto. “Não sou humilde e, quando falo sobre metas, sou bastante agressivo. Eu quero tudo e tudo é ganhar jogos, jogar bem e marcar gols. Eu quero tudo. Eu sei que nós estamos falando de uma situação hipotética no qual é muito difícil de alcançá-la, mas é desta forma que eu quero”, concluiu o português.