Guia VAVEL Premier League 2016/17: Tottenham

Após terceira colocação na última temporada, os Spurs querem continuar entre os primeiros, mantendo a base e com a chegada de reforços pontuais

Guia VAVEL Premier League 2016/17: Tottenham
Mantendo a base e contratando pontualmente, Spurs querem repetir boa campanha (Foto: Mike Hewitt/Getty Images)

No próximo sábado (13), a liga mais disputada do mundo vai, finalmente, ter início. A Premier League mais esperada dos últimos anos tem tudo para também ser a mais disputada das últimas temporadas, visto que pelo menos oito equipes iniciam a competição com grandes de título: Leicester City, Tottenham, Manchester City, Arsenal, Chelsea, Manchester City, Manchester United e Liverpool.

O Tottenham foi, ao lado do Leicester City, uma das grandes surpresas da última temporada. Com investimentos inferiores a Manchester United, Manchester City e Chelsea, os Spurs terminaram a Premier League na 3ª colocação e alcançaram a classificação para a Uefa Champions League. Os torcedores esperam que o time londrino repita o sucesso na liga nacional e que desempenhem um bom papel no torneio continental.

A competição europeia disputada pelo time de Mauricio Pochettino foi a Uefa Europa League, onde foi eliminado pelo Borussia Dortmund, ainda nas oitavas de final. Entretanto, mantendo a base e com reforços pontuais, Victor Wanyama e Vincent Janssen, o técnico argentino espera ir bem na Uefa Champions League e nas ligas nacionais.

Contratações

Victor Wanyama

O volante queniano chega após quatro tentativas de Mauricio Pochettino. Wanyama custou 11 de milhões de euros ao cofre dos Spurs e chega para ser o reserva imediato de Dier, destaque da seleção inglesa na disputa da Eurocopa 2016. O africano tem como características principais a força, a razoável velocidade e a grande qualidade na bola aérea, além de grande desarmador, sendo o segundo maior ladrão de bolas da Premier League desde sua chegada.

O jogador de 24 anos, que foi desejado por equipes como Arsenal, Manchester United, Chelsea e Atlético de Madri, não é dos melhores atacando, sendo raras suas chegadas ao setor ofensivo do campo. O time londrino, na figura de Daniel Levy, fechou a contratação de Victor por 11 milhões de libras, quando seu valor de mercado chegava aos 12, e enquanto equipes especulavam oferecer 20.

Foto: Divulgação/Tottenham
Foto: Divulgação/Tottenham

Vincent Janssen

A contratação mais importante realizada pelos Spurs até o momento. Vincent Janssen chega da Eredivisie após grande temporada, onde foi artilheiro atuando pelo AZ Alkmaar, indo as redes 27 vezes em 34 partidas. O atacante holandês chega a Londres por aproximadamente 17 milhões de libras e chega para ser peça importante para Pochettino, seja ao lado de Harry Kane, seja sendo reserva do mesmo.

Janssen tem 22 anos e já integra a seleção holandesa, pela qual disputou cinco partidas e marcou três gols. O jovem atacante ficou famoso na Inglaterra após marcar o gol da virada da Holanda sobre o English Team no Estádio de Wembley, em amistoso antes da Eurocopa 2016. O holandês conquistou o troféu Johan Cruyff para melhor jovem da temporada, prêmio que também foi conquistado pelo seu novo companheiro de equipe, o dinamarquês Christian Eriksen, ainda nos tempos de Ajax.

Na sua chegada ao novo clube, Janssen declarou: “Uma das razões porque escolhi o Tottenham foi a forma como Pochettino pensa e põe a equipa a jogar. Gosto dessa forma. Além disso, é sempre um sonho jogar na Liga dos Campeões, agora cada vez mais perto de se concretizar. Quando era criança via os jogos todos dessa competição e quero muito jogá-la”, disse Janssen ao site oficial do Tottenham”.

Foto: Divulgação/Tottenham
Foto: Divulgação/Tottenham

Principal jogador

O principal nome dos Spurs é, sem dúvidas, Harry Kane. Após grande campeonato na temporada 2014/15, o jovem inglês firmou-se ainda mais e confirmou-se como grande jogador ao ser o artilheiro da última Premier League. Com apenas 23 anos, o camisa 10 do Tottenham é peça fundamental no esquema da Pochettino, podendo crescer ainda mais no cenário inglês e no mundial, principalmente com a disputa da próxima Uefa Champions League.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images