Conte destaca força coletiva do Chelsea após vitória de virada sobre Watford

Chelsea venceu o Watford por 2 a 1 fora de casa de virada

Conte destaca força coletiva do Chelsea após vitória de virada sobre Watford
Antonio Conte cumprimenta John Terry após vitória de virada (Foto: Divulgação/Chelsea)

Neste sábado (20), o Chelsea enfrentou o Watford fora de casa e venceu por 2 a 1. Capoue abriu o placar para os donos da casa ainda no primeiro tempo, Batshuayi, novo reforço do Chelsea, empatou a partida já no segundo tempo, Diego Costa virou a partida e fechou o resultado final do jogo. Com a vitória, o Chelsea fica com 6 pontos, se iguala com Manchester City, Manchester United e Hull City na liderança do campeonato. Já o Watford, cai para 13º e apenas 1 ponto em duas rodadas.

Após a partida, Antonio Conte concedeu entrevista coletiva e falou do que aconteceu na partida: "Normalmente, quando os novos jogadores entram durante o jogo acontece um grande impacto. Estou satisfeito por Moses, Cesc [Fàbregas] e Batshuayi porque o seus impactos foram muito bons. É importante para mim, isso. Isso mostra o grande espírito da equipe, a atitude certa, o compromisso correto. É normal, porque quando você pressiona durante o jogo por 70 minutos, normalmente o adversário decide em um contra-ataque."

"Eu entendo quando você não inicia o jogo normalmente, você não está feliz. O técnico deve escolher o time titular e, em seguida, tentar encontrar a solução certa durante o jogo. Vimos isso nesses dois jogos."

Em duas rodadas, o Chelsea precisou de Diego Costa para decidir os jogos. Na última segunda (15), o Chelsea venceu o West Ham em um jogo apertado, por 2 a 1, com o gol marcado por Diego Costa já nos minutos finais. Neste sábado, não foi muito diferente. Diego Costa, nos minutos finais, fez o gol da virada e fechou o placar a favor dos Blues. Antonio Conte comentou sobre as atuações do hispano-brasileiro:

"Ele marcou dois gols, mas eu preferiria que ele ter marcado mais cedo! Diego está trabalhando muito duro como os outros jogadores. Ele pode melhorar muito com o trabalho. Ele é um jogador importante para nós. É importante para ele ficar sempre concentrado no jogo e não pensar nas outras situações."

Michy Batshuayi, novo atacante contratado por 35 milhões de libras, veio do banco e fez o gol de empate, também foi elogiado pelo seu treinador: "Batshuayi é um jovem jogador com grande potencial que pode melhorar muito. Eles podem jogar juntos, não só durante o jogo, mas também no início do jogo."

Cesc Fàbregas, outro jogador que veio do banco e decidiu a partida, ele fez a assistência para o gol da virada marcado por Diego Costa. Antonio Conte não poupou elogios ao meia espanhol: "Nós todos sabemos Cesc. Ele é um grande jogador com grande técnica, com um bom passe e uma boa assistência. Fiz essa substituição porque naquele momento eu queria mais qualidade e vi Watford estavam pensando apenas para defender sua meta."

Conte também comentou sobre a atitude do espanhol nos treinamentos, dando o máximo para mostrar ao treinador italiano que merece chances: "Estou satisfeito com a sua atitude. Ele está trabalhando muito duro durante as sessões de treinamento para me mostrar que merece jogar. Quero ver isso, que todos os jogadores me mostrar que merecem para iniciar o jogo. Eu sou um técnico muito feliz quando vejo esse compromisso. Quando você têm muitos jogadores que pensam sobre a equipe e não a si mesmo, é importante. Esta situação está acontecendo no Chelsea."

Conte pediu aos seus jogadores de volta para a linha de meio campo após o gol de empate de Batshuayi: "Eu não queria comemorar porque estávamos com 1-1, não 2-1 para nós. Por esta razão eu empurrei meus jogadores um pouco. Vi também nesta situação a vontade de voltar muito em breve e começar a jogar."

Antonio Conte comparou o início da atual temporada com o início da temporada passada: "O início da temporada é importante para mudar a situação em comparação com a última temporada. Sabemos que não é fácil, mas estamos tentando com todas as forças. Trabalho sempre compensa. Eu sei que estamos muito trabalho duro. Vamos continuar a trabalhar muito duro."

"Normalmente estas vitórias são muito importantes para melhorar, para transferir o trabalho, para a nossa confiança subir, porque depois de uma temporada ruim como no ano passado, não é fácil para começar, ganhar dois jogos. Não vai ser fácil, mas eu estou contente que isso aconteceu.", frisou.

Conte também falou sobre a necessidade de comprar um defensor antes da janela de transferências fechar: "Se você olhar agora para o plantel do Chelsea, só temos cinco defensores e quatro começaram o jogo de hoje. [Ola] Aina é um cara da Academia, nascido em 1996, muito bom, com um grande potencial, mas você sabe que com um jovem jogador, que você tem de trabalhar para melhorar ele e colocá-lo na primeira equipe."

"Eu não quero comprar um jogador só para comprá-lo, eu quero comprar o jogador certo para o Chelsea, para o presente e para o futuro. Uma boa perspectiva. É importante que fazer um bom investimento.", finalizou.