Conte critica chances desperdiçadas mesmo com triunfo sobre Bristol Rovers

O técnico do Chelsea lamentou a grande quantidade de chances perdidas na primeira etapa

Conte critica chances desperdiçadas mesmo com triunfo sobre Bristol Rovers
(Foto: Divulgação/Chelsea)

Nesta terça-feira (23), o Chelsea recebeu o Bristol Rovers e sofreu para avançar de fase na Copa da Liga Inglesa. Os Blues venceram por 3 a 2, Michy Batshuayi, duas vezes, e Victor Moses marcaram para os donos da casa, enquanto Hartley e Harrison descontaram para os visitantes. Com o resultado, o Chelsea espera o seu adversário que será definido em sorteio, realizado na próxima quarta-feira (24), já o Bristol Rovers está eliminado da competição.

Após a partida, Antonio Conte, técnico do Chelsea, concedeu entrevista coletiva e falou sobre o que aconteceu de mais importante na partida: "Nós criamos um monte de chances no primeiro tempo, de marcar muitos gols, mas eu não gosto quando você dar dois gols nestas situações, a partir de uma falta e uma penalidade."

"Sofremos um gol de um cruzamento e devemos melhorar nesse aspecto. Devemos sentir o perigo em todas as circunstâncias, sobretudo quando há uma falta ou um escanteio, porque na Inglaterra normalmente, pode haver uma grande chance de sofrer um gol depois de um tiro de canto ou uma falta. Quando você deixa o adversário causar uma situação como esta noite, pode acontecer de você ficar com medo de desenho do jogo até o fim."

"É uma pena, porque estávamos dominando o jogo, mas depois sofremos. Hoje à noite eu sabia da Copa Inglesa, eu sabia da atmosfera, e posso dizer que esses jogos são muito difíceis para todos. Devemos entender que quando você tem a oportunidade de matar o jogo, você deve matar o jogo", disse Conte.

Ruben Loftus-Cheek, joia da base do Chelsea, teve sua atuação elogiada pelo técnico italiano: "Eu gostei, porque ele jogou um bom jogo, com uma boa intensidade. Ele fez o que eu queria. Em situações defensivas, ele se tornou um meio-campista, quando estávamos atacando ele se tornou um homem para o ataque.

"Estou feliz com o seu empenho e sua atitude. Ruben tem um grande potencial. Ele é um jovem jogador que pode melhorar muito. Eu vejo todos os dias e durante as sessões de treinamento ele quer melhorar, ele quer trabalhar muito duro e eu gosto disso. Ele tem as características certas para jogar neste papel [como um atacante]. Ele é fisicamente muito forte, ele é muito bom jogar de costas para o gol, ele também tem boa técnica, ele vê o gol muito bem, e ele tem um bom chute. Ele pode jogar nessa posição."

Antonio Conte comentou sobre as chances dadas para os jovens do Chelsea: "É meu dever dar oportunidades aos jovens jogadores como Loftus com grande talento para ficar com a primeira equipe e nos ajudar. É o mesmo para [Ola] Aina."

Mas Antonio Conte ficou chateado por não ter colocado Nathaniel Chalobah, outro jovem formado no Chelsea, e o técnico italiano explicou o motivo dele não ter jogado: "A primeira decepção é minha, porque eu queria colocar Chalobah em campo na segunda etapa e jogar com ele, mas a situação não permitia isso, e eu preferi colocar Oscar até o final. A situação poderia ter se tornada muita perigosa. É uma pena, porque eu queria lhe permitir jogar, porque ele merece jogar. Ele é um bom jogador jovem."