Em Londres, Tottenham e Liverpool se enfrentam visando encostar nos líderes

Apesar de já terem vencido na competições, spurs e scousers precisam buscar resultados melhores na Premier League

Em Londres, Tottenham e Liverpool se enfrentam visando encostar nos líderes
Em Londres, Tottenham e Liverpool se enfrentam visando encostar nos líderes
Tottenham
Liverpool
Tottenham: Vorm; Rose, Walker, Vertonghen, Alderweireld; Wanyama, Lamela, Erkisn, Dyer; Kane, Janssen. Mauricio Pochettino
Liverpool: Mignolet; Clyne, Matip (Klavan), Lovren, Moreno; Can, Milner, Henderson; Coutinho (Mane), Lallana, Firmino. Jurgen Klopp

Abrino a 3° rodada da Premier League 2016/2017, o Tottenham volta a jogar em casa, desta vez para receber o Liverpool neste sábado (27) às 8h30 no horário de Brasília. O White Hart Lane pode testemunhar mais uma vitória em casa do time londrino ou a 2° incursão de sucesso do Liverpool à Londres já nesta temporada.

As duas equipes vem de resultados distintos na competição. No sábado passado (20) o Tottenham recebeu e venceu o Crystal Palace por um a zero. O Liverpool no entanto fez jogo apático e foi derroatdo pelo recém promovido a primeira divisão, Burnley, por 2 a 0 no último domingo (21).

O último duelo entre ambas as equipes foi no mês de abril, pela 32° rodada da Premier League da temporada passada. No Anfield, o duelo terminou empatado em um a um. Philipe Coutinho marcou para o time da casa, e Harry Kane anotou o gol de empate no segundo tempo.

Após sorteio na Uefa Champions League, foco volta para a competição nacional

Nesta quinta-feira, o Tottenham participou do sorteio da fase de grupos da Uefa Champions League e caiu no grupo E com Bayer Leverkusen, CSKA Moscou e Monaco. Passada a euforia com a competição europeia, o clube londrino voltou ao trabalho para o jogo contra o time de Merseseyde.

A comissão técnica não contará com Lloris, que segue machucado e Dembele, por suspensão. Apenas Vorm está garantido no lugar do goleiro francês. "Hugo (Lloris) está se recuperando muito bem, mas ainda não é o momento de voltar para o campo.", afirmou Pochettino. Com isso, o técnico Maurício Pochettino espera um duelo equilibrado mesmo com partida em casa.

"Liverpool assinou com um monte de jogadores e tenho certeza que vai ser uma equipe diferente da última temporada. Vamos analisar e tentar encontrar o caminho para vencê-los.", enfatizou.

O lateral Danny Rose alertou que o Liverpool será um adversário difícil, corroborando com seu comandante, e que os pontos serão fundamentais na classificação. "Cada ponto é importante. Temos falado sobre isso, e que é vital. Vamos em frente e ter um monte de chances, temos de colocar equipes de distância. O Liverpool vai estar com sua força total e será difícil para nós, como foi na temporada passada, com os dois empates."

Klopp e companhia seguem excursão na Premier League

Acabar a irregularidade e ter mais eficiência nas finalizações. O Liverpool tem como foco evitar esses dois problemas na partida contra o Tottenham fora de casa. Apesar do bom futebol apresentado com o Arsenal e domínio territorial com Burnley, os comandados de Klopp pecam na hora de marcar gols, problemas apresentados desde a temporada passada.Apesar disso, este é o terceiro jogo do time do interior inglês fora de casa em apenas duas rodadas disputadas e uma a ser jogada.

Jurgen Klopp comentou sobre a situação de Philipe Coutinho, que ainda está sendo avaliado após ficar de fora na vitória de 5 a 0 do time sobre o Burton Albion pela Copa da Liga Inglesa. "Ele sentiu alguma coisa na coxa então foi preferível manter ele de fora. Nós deixamos ele de fora do treinamento desta sexta-feira e ainda estamos tomando uma posição sobre sua entrada no jogo.", avaliou.

Com Karius fora de combate, Mignolet segue na meta do time de Liverpool. Para o goleiro, Klopp é fundamental para que o time possa sair vencedor do Hart Lane, ainda ressaltando seu papel nos últimos duelos contra o próprio time londrino.

"Desde que ele chegou, ele tentou mudar muitas coisas. Ele mostrou a diferença imediatamente. Logo que ele entrou, ele queria mudar muitas coisas. No início, não foi fácil para ele mudar as coisas, porque nós tivemos tantos jogos e tivemos lesões e suspensões. Se você tem apenas dois ou três dias entre os jogos, então é muito difícil de mudar taticamente, você precisa de um pouco de tempo.", afirmou.

O belga no entanto quer esquecer a temporada passada e já mostra foco diretamente no sábado (27). "No ano passado, nós aprendemos as coisas passo por passo, e isso melhorou muito e acho que a partir daquele dia contra o Tottenham, o time é completamente diferente", encerrou.