Forte tensão na Turquia faz Uefa providenciar segurança reforçada aos torcedores do Man United

País tem constantes ataques terroristas e após tentativa de golpe militar há alguns meses vive tensões políticas também; Red Devils jogam em Istambul, na quinta, contra o Fenerbahçe

Forte tensão na Turquia faz Uefa providenciar segurança reforçada aos torcedores do Man United
Foto: Yasin Akgul / Getty Images

Nos últimos meses a tensão na Turquia aumentou consideravelmente devido aos ataques terroristas, além da tentativa do golpe militar há algum tempo atrás que deixou o país em extrema insegurança com as medidas tomadas pós-tentativa.

Pensando e sabendo disso, a Uefa se dirigiu à Federação Turca de Futebol e à polícia local para garantir a segurança do Manchester United e seus torcedores quando forem a Istambul na próxima quinta-feira (3) enfrentar o Fenerbahçe pela Europa League.

Recentemente o governo americano pediu para seus cidadãos que moram na capital turca que deixassem a cidade e o país devido à 'preocupações com segurança'. Em relação às precauções para quem irá chegar no país, porém, a Uefa falou com a entidade responsávei pelo futebol e também com a de segurança da população, pedindo medidas de segurança com os torcedores e também a equipe do United.

"Embora não tenhamos informações que o perigo ao povo americano se extenda ao britânico, a Uefa tomou as providências necessárias com a Federação Turca de Futebol e com autoridade de segurança local para garantir a segurança do Manchester United e seus torcedores", disse a entidade que rege o futebol na Europa à Sky Sports, veículo esportivo britânico. 

"Desde a tentativa do golpe militar e o aumento de terrorismo na Turquia tais medidas de seguranças são tidas por parte da Uefa em todos os jogos realizados em solo turco. Até hoje nenhum mal aconteceu em tais situações, mas a entidade continuará monitorando e provendo ajudas e conselhos para os clubes", finalizou. 

O departamento que lida com povos britânicos fora de seus limites territoriais aconselhou todos os torcedores que foram, assim como todos os nascidos na Grã-Bretanha, que fiquem sempre alerta e sempre monitorar a viagem com todas as medidas de segurança possíveis, pois a chance de um ataque terrorista continua alto. 

É válido lembrar também que o Napoli viajará para enfrentar o Besiktas pela Champions League nesta terça-feira (1º).