Em partida amistosa, Inglaterra enfrenta Espanha no Wembley

Eliminatórias Europeias só retornam em março de 2017, e seleções aproveitam data Fifa para disputarem amistoso

Em partida amistosa, Inglaterra enfrenta Espanha no Wembley
Inglaterra
Espanha
Inglaterra: Hart; Clyne, Cahill, Stones, Bertrand; Henderson, Wilshere, Lallana; Walcott, Vardy, Rashford. Gareth Southgate
Espanha: De Gea; Roberto, Nacho, Bartra, Azpilicueta; Busquets, Koke, Thiago, Mata, Silva; Aduriz. Julen Lopetegui.
INCIDENCIAS: Partida amistosa, a ser realizada no Wembley, em Londres.

As Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo só retornam em março do próximo, e como esta terça-feira (15) ainda é data Fifa, amistosos foram marcados entre seleções do Velho Continente. A Inglaterra recebe a equipe da Espanha, no Estádio de Wembley, às 18h (de Brasília). Na última rodada das Eliminatórias, tanto os ingleses como os espanhóis saíram vitoriosos, e lideram seus grupos, F e G, respectivamente.

Na sexta-feira passada (11), o English Team derrotou a seleção da Escócia por 3 a 0, em Wembley, com gols marcados por Daniel Sturridge, Adam Lallana e Gary Cahill, chegando aos dez pontos, dois a mais que a vice-líder Eslovênia. Já no sábado, a Fúria fez 4 a 0 na Macedônia, com gols de Nacho Monreal, Vitolo, Aduriz e Velkoski contra, chegou aos dez pontos e lidera pelo maior saldo de gols, seguida da Azzurra.

No histórico do confronto são 20 partidas entre as seleções e as duas venceram a mesma quantidade de jogos, sete. Os últimos sete encontros entre as duas equipes foram amistosos, tendo ocorrido na Eurocopa de 1996 o último duelo oficial. Dentro da Inglaterra, os ingleses venceram sete dos nove confrontos contra os espanhóis, sendo que as duas derrotas ocorreram nos últimos quatro confrontos.

Em possível último jogo de Gareth Southgate, Inglaterra recebe a Espanha querendo mostrar mais

O treinador interino assumiu o comando do English Team após Sam Allardyce ser demitido devido ao escândalo revelado pelo tabloide The Telegraph e atuou frente à Inglaterra em três oportunidades, diante de Malta, Eslovênia e Escócia, deixando o time inglês na liderança do grupo F, com dez pontos conquistados. Southgate pediu que a FA se decidisse quanto a sua permanência ou não frente à seleção dentro de um mês.

+ Após investigações do Telegraph, Sam Allardyce não é mais treinador da Inglaterra

Southgate quer que sua equipe mostre mais dentro de campo e acredita que diante da Espanha é a oportunidade perfeita para isso acontecer, como afirmou na entrevista depois da vitória sobre a Escócia, na última sexta-feira: “Nós causamos alguns problemas para nós mesmos, mas queremos que a nossa equipe jogue sempre dentro do campo de ataque. Às vezes estávamos desleixados dentro do campo, logo é algo que podemos e devemos melhorar”.

+ Southgate comemora vitória contra Escócia, mas acredita que Seleção Inglesa pode fazer mais

Para o jogo, o técnico não poderá contar com peças importantes. O atacante Wayne Rooney voltou a vestir a camisa 10 da seleção e começou o jogo contra os escoceses como titular, no entanto não deve começar a partida dessa terça-feira entre os 11 iniciais, pois perdeu o treino desta segunda-feira. O mesmo ocorreu com o lateral Ryan Bertrand, que também perdeu o treino desta segunda-feira. Enquanto Harry Kane, devido a lesão no tornozelo, foi liberado para continuar sua recuperação.

Nomes como Theo Walcott, Jamie Vardy e Nathaniel Clyne provavelmente jogarão contra os espanhóis, podendo aparecer entre os titulares, devido as ausências citadas. Outro que pode aparecer na equipe é o meio-campista Jack Wilshere, que não atua com a camisa da seleção desde a derrota para a Islândia, na Eurocopa da França.

Invicta com Lopetegui, Espanha visita Inglaterra buscando manter série

São cinco jogos do treinador Julen Lopetegui à frente da Fúria, sendo quatro vitórias, contra Bélgica, Liechtenstein, Albânia e Macedônia, e empatando com os italianos em 1 a 1. Com Lopetegui, a Espanha já foi às redes 17 vezes, sofrendo apenas o gol da seleção italiana.

O treinador pode montar uma equipe diferente da que goleou os macedônios no último sábado. Julen pode promover a entrada de Aritz Aduriz, que entrou no lugar de Morata na última partida e marcou um dos gols do jogo, no time titular. E o meio-campo pode ser formado por Sergio Busquets, Koke e Thiago Alcantara. Monreal também pode entrar no lugar de Azpilicueta na lateral-esquerda.

O treinador espanhol, em sua entrevista pré-jogo mostrou a satisfação de atuar dentro do Estádio de Wembley, além de elogiar o futebol inglês: “Jogar aqui é uma honra e um prazer. Cenário difícil de atuar e contra um adversário difícil. Espero que façamos um grande jogo, que é o que vai ser exigido pelo adversário. Eu gosto de muitas coisas no futebol Inglês. Tudo cheira futebol”.