Wenger exalta boa fase de Giroud: "Está presente nas minhas duas opções de ataque"

Apesar de começar os últimos jogos no banco, francês entrou marcou no fim do jogo para garantir um ponto aos Gunners

Wenger exalta boa fase de Giroud: "Está presente nas minhas duas opções de ataque"
Foto: Getty Images

Neste sábado (19), Olivier Giroud marcou aos 44 minutos do segundo tempo e garantiu o empate do Arsenal com o Manchester United no Old Trafford pela 12ª rodada da Premier League.

Quando a vitória dos Red Devils já parecia assegurada, Alex Oxlade-Chamberlain, que entrou em jogo com menos de dez minutos para o fim, arrancou pela direita após driblar Rashford e cruzou para Giroud, que também entrou no segundo tempo, cabecear forte e assegurar um ponto ao Arsenal.

Em entrevista após o jogo, Arsène Wenger, técnico dos Gunners, comentou o gol marcado no fim do jogo pelas duas substituições ele fez. "Os dois substitutos foram muito bem. Já fizemos isso muitas vezes essa temporada e isso mostra algo notável nesse elenco.", disse Wenger. "É uma grande união e uma atitude de nunca desistir. Sabemos que conseguimos atacar melhor."

Apesar do gol, Giroud está passando por um momento não muito confortável na carreira já que perdeu seu espaço de titular na equipe, com Alexis Sánchez jogando como centroavante. 

"Considero ele um jogador regular", disse Wenger sobre o número 12. "Ele teve longas férias depois da Eurocopa. Depois disso ficou contundido e aos poucos está voltando. É verdade que nos últimos dois jogos ele ficou um pouco frustrado, mas é normal porque ele está pronto novamente. A solução de Alexis na frente funcionou bem e agora tenho duas opções. Oliver Giroud está nas duas, já que Alexis consegue jogar nas pontas. Olivier joga somente pelo meio, então consigo casar os dois jogadores.", concluiu Wenger.

Agora o Arsenal ocupa a quarta colocação com 25 pontos, apenas dois atrás dos líderes Liverpool e Manchester City. O United tem seis pontos a menos que os londrinos, 19, e está em sexto lugar. No próximo domingo, o Arsenal recebe o Bournemouth no Emirates, e o time de Manchester United joga novamente em casa, contra o West Ham.