Walcott celebra boa atuação contra Bournemouth : "Sou a pessoa mais feliz do mundo"

Enquanto estava 1 a 1 em um jogo apertado, Walcott marcou gol de cabeça pra colocar os Gunners na frente, no mesmo fim de semana que seu filho nasceu

Walcott celebra boa atuação contra Bournemouth : "Sou a pessoa mais feliz do mundo"
Foto: Divulgação/Arsenal

Neste domingo (27), o Arsenal recebeu o Bournemouth pela décima terceira rodada da Premier League e venceu por 3 a 1, com dois gols de Alexis Sánchez e um de Theo Walcott, que teve uma semana especial, pois além de marcar o gol que deixou os Gunners na frente enquanto estava 1 a 1, seu segundo filho, Arlo, nasceu e o atacante comemorou homenageando-o. O gol do Bournemouth foi marcado por Wilson, de pênalti.

"Falando pessoalmente, eu e Mel tivemos um bebê na sexta, o pequeno Arlo. Ela lidou muito bem, têm sido uma longa jornada. Então, sim, é muito bom estar de volta.", disse Walcott em entrevista ao site oficial do Arsenal, após a partida.

"Posso concentrar somente no futebol agora. Tivemos uma ótima performance hoje. Bournemouth é um time muito sólido, jogam muito bem e tivemos dificuldade às vezes. Porém conseguimos engatar nosso jogo, felizmente."

Os jornalistas perguntaram mais sobre seu filho recém-nascido e Theo respondeu muito feliz: "Estávamos em casa e ela começou a sentir contrações às uma e meia da manhã. Foi fantástico para mim e nossa família. Provavelmente, eu sou a pessoa mais feliz do mundo. Agora com o time vencendo novamente, é o fim de semana perfeito."

Walcott dificilmente marca gols de cabeça, e esta foi mais uma das raras vezes que o inglês colocou a bola na rede depois de cabeceá-la. "Você consegue marcar alguns gols na segunda trave e Nacho [Monreal] fez bem. Honestamente, eu acho que ele tentou chutar para o gol, mas eu estava lá no momento certo, e felizmente, a bola entrou no gol.", disse o camisa 14.

"Mas estou mais contente com a gente conseguindo os três pontos porque mantemos essa jornada viva. E estamos aí, invictos desde o início da temporada.", acrescentou o atacante, enfatizando a invencibilidade do Arsenal em toda a temporada, desde a derrota para o Liverpool na primeira rodada da Premier League.