Pouco utilizado no United, Wayne Rooney retorna ao Everton após 13 anos

Atacante assinou contrato de dois anos, e espera ter mais tempo de jogo na nova equipe

Pouco utilizado no United, Wayne Rooney retorna ao Everton após 13 anos
Foto: Divulgação/Everton

Neste domingo (09), o Everton anunciou a contratação do atacante Wayne Rooney, estrela que estava no Manchester United. O inglês, que estava insatisfeito no antigo clube, retorna à sua origem e fará parte de um time consistente e que tem se reforçado cada vez mais neste período de pré-temporada.

O Manchester United estava empenhado em retirar Rooney da folha de pagamento e, por isso, liberou o jogador de graça. Dessa forma, o Everton só precisou combinar os salários com o atacante. Ele receberá um valor mensal de cerca de £ 600 mil libras (R$ 2,54 milhões), metade do que recebia no clube de Old Trafford, e jogará por dois anos pelos Toffees.

O atacante começou sua carreira como profissional em 2002, jogando pelo Everton. Em 2004, foi vendido ao Manchester United por £ 27 milhões, onde se tornou ídolo e maior goleador da história do time e da seleção inglesa. Agora, está de volta ao Goodison Park e voltará a vestir a camisa azul do Everton, com a esperança de jogar mais.

Rooney deu entrevista à evertontv, canal do YouTube, e falou sobre o retorno ao Everton, e mostrou otimismo em relação às próximas competições: "É uma boa sensação estar de volta. Estou animado, ansioso para conhecer os jogadores, entrar no centro de treinamento e então em um campo para jogar. (...) Estou empolgado com as novas contratações do clube. A equipe está evoluindo. Esse time deveria estar ganhando troféus, e nós estamos dando grandes passos para isso".

O jogador falou também sobre o motivo de sua volta, e criou expectativa para seu primeiro jogo com a camisa do Everton após 13 anos: "O primeiro jogo vai ser muito emocionante para mim, e estou ansioso para isso. Não voltei só porque é o time que eu torço e onde cresci jogando. Voltei porque eu sinto que o clube pode crescer mais e ter sucesso. Quero ser parte disso".

Vale lembrar que, em maio deste ano, após conquistar o título da Uefa Europa League, Rooney afirmou que só jogaria por dois clubes na Inglaterra: Everton e Manchester United. Assim, a falta de propostas oficiais de equipes dos Estados Unidos e sua rejeição ao futebol chinês contribuíram para que o atacante tenha decidido em jogar pelo Everton.

"Eu fui verdadeiro quando disse aquilo: eu não queria jogar por outro clube na Inglaterra que não fosse o Everton. Quando soube que tinham interesse por mim e queriam me contratar, falei com meu agente: 'Vá e fale com eles, faça acontecer. É onde eu quero ir'".

Rooney é a sexta contratação dos Toffees para a próxima temporada, e, com um time mais forte, o Everton pretende ter um desempenho melhor que na recente época, em que terminou a Premier League na sétima colocação.

Inglaterra