Everton e Tottenham se enfrentam em busca de aproximação dos líderes

Duelo no Goodison Park colocará um frente ao outro; os dois times tem altas perspectivas na temporada

Everton e Tottenham se enfrentam em busca de aproximação dos líderes
Foto: Editoria de Arte/VAVEL Brasil
Everton
Tottenham
Everton: pickford; willians, jagielka, keane, baines; gueye, sigurdsson, davies, holgate; rooney, lookman. ronald koeman
Tottenham: lloris; trippier, vertonghen, alderweireld; davies; dembele, dier, sissoko, eriksen, dele alli; harry kane. mauricio pocchetino
ÁRBITRO: Graham Scott
INCIDENCIAS: jogo no goddison aprk, casa do everton, em duelo válido pela quarta rodada da premier league

Após a Data Fifa, os campeonatos nacionais voltam a ficar em pauta. A Premier League volta com a 4° rodada cheia. No Goodison Park, o Everton receberá o Tottenham às 11h (Brasília) e o foco de ambas as equipes é de ficarem próximas dos líderes e não se distanciarem na pontuação.

Com a derrota para o Chelsea na rodada passada, o time de Ronald Koeman é apenas o 12° colocado com 4 pontos. Já o time de Londres tem a mesma pontuação do rival que virá porém se favorece do saldo de gols (1 positivo contra -1 dos Toffess). As equipes não sofrerão com desfalques. Koeman ainda não contará com Klaasen, Bolasie, Funes Mori e Barkley, ausências sentidas ainda do início da competição. Mesmo caso do Tottenham sem Lamela e Danny Rose.

No Wembley, o time de Mauricio Pocchetino não conseguiu superar o frágil Burnley e empatou em 1 a 1. Em março deste ano, o Tottenham bateu o Everton por 3 a 2, o último confronto entre ambos, pela Premier League da temporada passada. Dele Alli e Kane duas vezes marcaram enquanto Enner Valencia e Lukaku descontaram.

Time está 100% preparado

O Everton, apesar da janela de transferências recheada, já não terá muitas novidades para o duelo em sua casa. O time conta com a estreia de Gylfi Sigurdsson no Goodison Park pela Premier League o o técnico Ronald Koeman deverá manter a mesma formação das partidas anteriores.

Koeman, inclusive, comentou sobre o difícil duelo contra os spurs. "É um jogo difícil porque, na minha opinião, o Tottenham é um dos times mais fortes da Premier League. Eles não estão satisfeitos com os resultados que tiveram no início da temporada, mas a maneira como eles jogam futebol e a qualidade que eles têm em seu elenco, torna o duelo muito difícil".

O técnico também falou ao site oficial do clube que Sigurdsson está em perfeitas condições para atuar na temporada."Eu acho que Gylfi está agora na posição certa em termos de um estado físico."Foi muito difícil para ele jogar dois jogos completos para nós em um período tão curto, então ele viajou com sua equipe nacional [Islândia] também. Ele estava de volta hoje [quinta-feira], talvez ainda esteja um pouco cansado e ele precisa se recuperar, mas ele está bem fisicamente para estar no seu melhor para este sábado. Ele está cheio de confiança [depois dos dois gols contra a Ucrânia] também. Sabemos que ele é um jogador que traz produtividade".

Pocchetino prega respeito ao adversário

Ainda fora de forma. O Tottenham não vem mostrando o futebol que foi característico da temporada anterior. Jogando em casa nas últimas duas partidas, a equipe somou apenas um ponto (derrotado para o Chelsea e empatou em 1 a 1 contra o Burnley). Ainda assim, os spurs seguem sendo como um dos favoritos no campeonato inglês.

O técnico Mauricio Pocchetino pregou o máximo de respeito ao Everton, afirmando que o time tem a mesma estrutura da temporada anterior apesar de ter mudado diversas peças. "É um novo Everton, mas ainda é a mesma filosofia. Eles têm um ótimo treinador e grandes jogadores. Temos muito respeito pelo Everton. "Precisamos trabalhar tudo do jeito certo para tentar obter o melhor dos nossos jogadores".

O argentino também comentou sobre um nome em especial: Sandro Ramirez. O atacante espanhol chegou ao Everton no início da temporada. "Ele é um grande jogador. Ele estava no Barcelona e no Málaga e ele é um atacante muito bom. Precisamos estar atentos sobre ele.", comentou Poch.