Mourinho critica postura do Manchester United em campo e minimiza desfalque de Pogba

Para o treinador dos Red Devils, faltou "respeito" pelo Basel após os ingleses abrirem 2 a 0 no placar; Mourinho também mostrou-se tranquilo com suas opções para substituir Pogba, que deixou o campo lesionado

Mourinho critica postura do Manchester United em campo e minimiza desfalque de Pogba
(Foto: Oli Scarff/AFP/Getty Images)

Na tarde desta terça-feira, o Manchester United começou a campanha na Champions League com o pé direito - jogando em casa, em Old Trafford, os ingleses venceram o FC Basel pelo placar de 3 a 0; Fellaini, Lukaku e Rashford marcaram os gols da partida.

Apesar da vitória,  José Mourinho não ficou satisfeito com o comportamento da equipe em campo. O treinador do Manchester United destacou o peso dos três pontos conquistados em casa, mas fez questão de demonstrar seu incômodo com a postura dos Red Devils - para o treinador, faltou respeito dos jogadores pelo adversário.

"Quando você começa a fase de grupos, o importante é ganhar. Acho que jogamos com estabilidade, com confiança, fomos pacientes. Tivemos boas oportunidades e só posso dizer que jogamos bem. Depois, chegamos ao 2 a 0 e tudo mudou. Paramos de tomar boas decisões e causamos problemas a nós mesmos, mas o Basileia não marcou e chegamos ao terceiro. Os jogadores sentiram que (com 2 a 0) tudo estava ganho, mas futebol é futebol e você tem sempre que respeitar seu adversário. Apesar de tudo, a performance foi boa, sólida e os três pontos são muito importantes para nós", afirmou.

Em entrevista pós-jogo, o treinador do Manchester United falou sobre a importância de começar a Champions League com uma vitória; além disso, Mourinho falou sobre o diferencial de encerrar a fase de grupos do torneio jogando em casa, em Old Trafford.

(Foto: Martin Rickett/PA Images via Getty Images)
(Foto: Martin Rickett/PA Images via Getty Images)

"Os três pontos em casa são importantes para começar, e temos a possibilidade de acabar a fase de grupos em casa contra o CSKA. Acho que isso é bom. Temos três pontos no bolso e o último jogo é em casa. Se precisarmos desse jogo para nos classificarmos, é melhor jogar em casa que fora. Antes disso, temos três jogos fora, e precisamos pontuar", completou Mourinho.

Nesta terça-feira, Paul Pogba virou notícia após deixar o gramado lesionado ainda na primeira etapa - o meia deve desfalcar o United por algumas semanas, mas Mourinho mostrou-se confiante com os jogadores à sua disposição no elenco. O comandante dos Red Devils também enalteceu o desempenho de Fellaini, que entrou em campo para substituir o francês e marcou o primeiro gol da equipe.

"É uma lesão muscular. Pela minha experiência, ele vai ficar parado por algumas semanas. Fellaini mostrou outra vez que podemos contar com ele e estou muito satisfeito. Tem dado tudo por mim, pela equipe e pelo clube. (...) Os times são para isso, são para as lesões, para os castigos. Não choramos com as lesões. Se eu não tiver o Paul no domingo, tenho o Carrick, o Herrera, o Fellaini, o Matic", finalizou Mourinho.

Manchester United volta a campo no próximo domingo (17). Em partida válida pela sexta rodada da Premier League, os Red Devils recebem o Everton em Old Trafford.