Crystal Palace quebra série negativa, supera Chelsea e soma primeira vitória

Eagles não haviam marcado um gol na competição, perdendo os sete jogos anteriores

Crystal Palace quebra série negativa, supera Chelsea e soma primeira vitória
Zaha infernizou a defesa do Chelsea na primeira etapa (Foto: Catherine Ivill/Getty Images)
Crystal Palace
2 1
Chelsea
Crystal Palace: Speroni; Ward, Sakho, Dann, van Aaholt; Milivojevic; Townsend, McArthur, Cabaye, Schlupp (75' Puncheon); Zaha
Chelsea: Courtois; Azpilicueta, David Luiz, Cahill; Moses (40' Zappacosta), Fàbregas, Bakayoko, Alonso; Willian (65' Musonda), Hazard, Batshuayi (56' Pedro)
Placar: 10' Azpilicueta (OG) (CRY), 18' Bakayoko (CHE), 45' Zaha (CRY)
ÁRBITRO: Andre Marriner | AMARELOS: 71' Milivojevic (CRY), 82' Dann (CRY), 86' Bakayoko (CHE)
INCIDENCIAS: Partida válida pela oitava rodada da Premier League disputada no Selhurst Park em Londres, Inglaterra.

O Crystal Palace finalmente venceu na Premier League 2017/18. Jogando em casa contra o forte Chelsea, os Eagles conseguiram fazer uma boa primeira etapa, onde conseguiram ficar a frente do marcador e no segundo se seguraram para garantir a vitória por a 1. Zaha e Cabaye marcaram para os donos da casa, enquanto que Bakayoko fez o dos visitantes. 

Com o resultado, o Palace respira na competição. Apesar de continuar na última colocação, com três pontos, fica a apenas quatro de sair da zona de rebaixamento. Já o Chelsea fica com treze pontos e vê o Manchester City já abrir nove de vantagem.

O Crystal Palace volta a jogar no próximo sábado (21), contra o Newcastle. Já os Blues, voltam a campo na quarta-feira, pela Uefa Champions League, contra a Roma.

Crystal Palace cria mais e sai na frente

O confronto começou muito movimentado, com poucas saídas de bola. A primeira chance de perigo foi dos donos da casa. Townsend puxou o contra ataque pelo lado esquerdo e Zaha surgiu dentro da área para tentar finalizar, porém foi travado. Precisando conquistar sua primeira vitória no campeonato, o Crystal Palace seguia pressionando o Chelsea, sem deixar o rival londrino passar do meio campo. A pressão era grande e logo gerou resultado. Com dez minutos, Townsend surgiu pelo lado direito, cruzou para Cabaye. O francês tentou o chute, a bola desviou em Azpilicueta e tirou todas as chances de defesa de Courtois. Esse foi o primeiro gol do Crystal Palace nesta edição de Premier League.

Após fazer o gol a equipe da casa recuou e o Chelsea aproveitou para chegar ao empate. Aos 17, Fàbregas cobrou escanteio na cabeça de Bakayoko, que mandou no canto esquerdo de Speroni. Precisando da vitória, os donos da casa seguiam apostando no contra ataque. Aos 21, Zaha recebeu do lado direito, fintou Cahill e finalizou no canto direito de Courtois, acertando a trave.

Após a metade da primeira etapa, o duelo passou a ficar mais travado, com as duas equipes marcando muito forte e sem espaço para as jogadas. Com isso as equipes abusaram dos passes longos e forçados, muitas vezes sem sucesso. Uma nova chance de perigo só foi acontecer somente aos 38. Townsend finalizou de fora da área e passou assustando o goleiro do Chelsea. Dois minutos depois veio da resposta. Fàbregas cobrou uma falta com muito perigo, passando raspando trave.

Já na parte final da primeira etapa, o Crystal Palace voltou a ficar a frente do marcador. Sakho antecipa Willian e passa para Zaha. O atacante fintou Azpilicueta e tocou na saída do goleiro para fazer seu primeiro gol na competição.

Eagles seguram pressão do Chelsea e triunfam pela primeira vez na Premier League

Segundo tempo seguiu a toada do primeiro. Precisando chegar ao empate o Chelsea foi ao ataque. Logo aos quartro, Fàbregas arriscou o chute de fora da área e acertou o travessão de Speroni. Chegando aos 15, os blues seguiam tentando atacar porém sem efetividade nenhuma. Já seu adversário aproveitava os contra ataques para levar perigo e poder matar a partida.

Aos 20, Alonso lançou Pedro, que arriscou a finalização da entrada da área, obrigando Speroni a fazer boa defesa. A essa altura da partida, o Crystal Palace não conseguia responder. No minuto 26, Fàbregas fez grande lançamento para jovem Musonda. O belga dominou no meio, mas na hora de finalizar mandou por cima, desperdiçando grande oportunidade. Em menos de cinco minutos foram sete jogadas de perigo do Chelsea.

Faltando dez minutos para o fim da partida, os blues chegavam a 11ª oportunidade de gol no segundo tempo, mas o Crystal Palace conseguia se segurar. Nos minutos finais da partida o eagles conseguiram tocar mais a bola, controlando o impeto do Chelsea. Só nos acréscimos, quando Sakho tentou tirar a bola de calcanhar e sobrou para Fàbregas que chutou raspando a trave.