Southgate elogia desempenho dos jovens da Inglaterra diante da Alemanha: “Foi muito positivo”

Treinador do English Team elogiou em especial os novatos na seleção que enfrentaram os campeões mundiais, e falou sobre a situação do lesionado Phil Jones

Southgate elogia desempenho dos jovens da Inglaterra diante da Alemanha: “Foi muito positivo”
Southgate (dir.) cumprimenta Livermore (esq.), um dos novatos do time (Foto: Craig Mercer/CameraSport/Getty Images)

O time da Inglaterra que empatou em 0 a 0 o amistoso contra a Alemanha nesta sexta-feira (10) em Wembley estava recheado de jovens. Entre os relacionados pelo técnico Gareth Southgate para o jogo, quatro fizeram neste jogo sua estreia pela seleção nacional: Jordan Pickford, do Everton, Ruben Loftus-Cheek, do Crystal PalaceTammy Abraham, do Swansea, e Joe Gomez, do Liverpool. Além disso, outros jovens jogadores com destaque no país, como Marcus Rashford (Manchester United) e John Stones (Manchester City), também entraram em campo.

A equipe composta por jovens jogadores trouxe uma certa desconfiança por parte dos torcedores. Mas o sólido desempenho na partida contra os campeões mundiais (especialmente no primeiro tempo) foi destacado pelo público e pelo técnico Southgate. Na entrevista coletiva pós-jogo em Wembley, o comandante do English Team afirmou não estar surpreso com o bom jogo desses atletas. Além disso, ele elogiou bastante de forma particular a partida de Loftus-Cheek, eleito o melhor jogador em campo, e disse que o time precisa se concentrar para descansar e encontrar o ritmo para o amistoso contra o Brasil na terça-feira (14).

Não estou surpreso com o que eles (jogadores jovens) fizeram hoje porque eles mostraram isso em outras épocas e essa semana nos treinos. Há uma energia neste grupo. Parecia que com um jogo muito pesado seria muito difícil, mas sem me deixar levar demais, acho que a performance foi realmente encorajadora”, disse Southgate.

Loftus-Cheek é um jogador que eu tenho acompanhado desde o sub-16, e mesmo com seu tamanho e maneira como joga, ele não é extremamente confiante às vezes. Acho que hoje ele levou uns 10 minutos para olhar em volta e dizer ‘eu posso fazer isso’. Ele tem muitos bons atributos e por isso o colocamos no time. Não acho que o grande público estará tão ciente sobre ele, você teria que acompanhá-lo mais de perto, mas acreditamos nele e nos outros jogadores. Foi uma experiência brilhante para nossos jogadores e agora temos que ver se podemos fazer isso novamente na terça-feira contra uma equipe que descansou muitos jogadores hoje (Brasil). Hoje, para mim, foi muito positivo”, acrescentou.

Loftus-Cheek foi eleito o melhor em campo (Foto: Divulgação/FA)
Loftus-Cheek foi eleito o melhor em campo (Foto: Divulgação/FA)

Southgate também assumiu que hoje a Alemanha está à frente da Inglaterra como time, mas que com o tempo sua equipe irá evoluir e se acostumar com o novo sistema. Ele também afirmou que a partida foi boa para trazer o torcedor de forma positiva para o lado do novo elenco da seleção inglesa, e tentou acalmar o público sobre a situação de Phil Jones – o zagueiro do Manchester United se machucou e jogou apenas os 24 primeiros minutos.

Foi um jogo adequado, com grandes jogadores que você enfrenta, então você deve estar ligado. Eles são uma equipe que vai para cima, então acho que para a torcida é um melhor espetáculo. Nos jogos das eliminatórias, é um caso de quando e quantos gols você pode marcar, e não conseguimos fazer isso rapidamente em alguns jogos. A Alemanha esteve na maioria dos jogos à frente já nos 10 primeiros minutos e por isso eles estão na nossa frente no quesito de evolução como time. Em jogos onde temos que enfrentar grandes equipes, a atmosfera é boa. Taticamente os jogadores foram bem. Ainda há muitas coisas para melhorar enquanto vamos jogando nesse sistema. A coisa toda foi boa para os fãs e acho que eles ficaram encorajados em ver jogadores que não haviam visto antes. Acho que houve um frescor e uma energia quanto a isso”, afirmou.

Ele (Jones) parece bem, demos uma olhada. É algo que ele já vem levando, mas não parece ser muito pior, então está bem. Vamos ver se Phil ficará conosco”, complementou Southgate.

O próximo compromisso internacional da Inglaterra é nesta terça-feira (14), enfrentando o Brasil também em Wembley, às 18h pelo horário de Brasília.

Jones durou apenas até os 24 minutos do primeiro tempo (Foto: Matthias Hangst/Bongarts/Getty Images)
Jones durou apenas até os 24 minutos do primeiro tempo (Foto: Matthias Hangst/Bongarts/Getty Images)