Com dois gols de Salah, Liverpool vence Southampton e encosta do grupo da Champions League

Reds tiveram um dia inspirado do atacante egípcio no quesito bola na rede

Com dois gols de Salah, Liverpool vence Southampton e encosta do grupo da Champions League
Salah agora é o artilheiro da Premier League, com nove gols (Foto: Getty Images/John Powell)
Liverpool
3 0
Southampton
Liverpool: Mignolet; Alexander-Arnold, Lovren, Klavan, Moreno; Henderson, Wijnaldum, Coutinho (Can, min. 69); Salah (Milner, min. 80), Firmino, Mané (Oxlade-Chamberlain, min. 74).
Southampton: Forster; Cédric, van Dijk, Hoedt, Bertrand; Romeu, Davis, Tadic (Austin, min. 55), Boufal (Ward-Prowse, min 69), Redmond; Long (Gabbiadini, min. 79).
Placar: 1-0, min. 31, Salah. 2-0, min. 41, Salah. 3-0, min. 68, Coutinho.
ÁRBITRO: Mike Jones (ING). Cartões amarelos: Lovren (min. 43), Romeu (min. 61).
INCIDENCIAS: Partida válida pela 12ª rodada da Premier League, no Anfield Stadium, em Liverpool. 53,256 espectadores.

O Liverpool contou com um dia bastante inspirado de Mohamed Salah para bater o Southampton, por 3 a 0, neste sábado (18), em Anfield, pela 12ª rodada da Premier League. Os gols da partida saíram na parte final do primeiro tempo, com Salah, duas vezes, e no começo da etapa final, com Philippe Coutinho.

O resultado aproxima os Reds da zona de classificação à Uefa Champions League na atual temporada da Premier League, já que ultrapassa o Arsenal para assumir a quinta posição, com 22 pontos. Já o Southampton milita na 13ª colocação, com 13 pontos, a apenas quatro pontos da zona de rebaixamento, diferença que pode diminuir a depender do resultado do jogo entre Watford e West Ham.

As duas equipes retornam a campo no próximo fim de semana. O Liverpool receberá o Chelsea, no próximo sábado (25), enquanto que o Southampton enfrentará o Everton, em casa, no próximo domingo (26).

Primeiro tempo de dois gols

A primeira etapa foi dominada pela equipe do Liverpool, enquanto restou ao Southampton tentar segurar com a defesa e buscar os contra-ataques. O jogo teve um começo mais truncado, com muitas bolas longas por parte dos dois times, mas os Reds encontraram as redes mesmo após um momento mais forte da defesa adversária. 

Aos 31 minutos, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para fora da área dos Saints e Georginio Wijnaldum serviu Mohamed Salah na entrada da grande área. O egípcio trouxe a bola para a linha da grande área e bateu colocado e no ângulo do goleiro Fraser Forster

Dez minutos depois, o Liverpool encontrou as redes novamente. Philippe Coutinho recebeu a bola na zona intermediária de ataque dos Reds e enfiou para Salah na entrada da área, o egípcio só teve o trabalho de tirar de Forster com categoria para fazer dois a zero. Com os dois tentos marcados em Anfield, Salah é o novo artilheiro da Premier League, com nove gols.

Etapa final morna

O segundo tempo tomou um ritmo morno de ações na maior parte dos 45 minutos. O Liverpool continuou com o domínio do jogo, administrando a posse de bola com mais parcimônia e indo em busca dos gols para sacramentar a vitória. Após um começo lá e cá, o Liverpool teve a primeira grande chance do segundo tempo com Coutinho, que recebeu passe de Salah e bateu rasteiro, no canto, com perigo para a meta de Forster.

Aos 23 minutos da etapa complementar, os Reds ampliaram a conta com Coutinho. Após passe de Sadio Mané dentro da área, Roberto Firmino finalizou cruzado para boa defesa de Forster, e no rebote o meio-campista brasileiro estava lá para mandar a bola para o fundo do gol.

Com a vitória, o Liverpool pode voltar a sonhar com uma das vagas da Premier League na UEFA Champions League. O time de Jürgen Klopp encosta no Tottenham, derrotado pelo Arsenal neste sábado (18), e pode entrar na zona de vaga para a Champions na próxima rodada.