Para manter sequência invicta, Manchester City viaja para encarar Swansea

Equipe de Guardiola pode chegar a incrível marca de 16 vitórias em 17 partidas realizadas na competição

Para manter sequência invicta, Manchester City viaja para encarar Swansea
(Foto: Getty Images)
Swansea
Manchester City
Swansea: Fabianski, Naughton, Van der Hoorn, Mawson, Olsson, Ki, Mesa, Carroll, Dyer, Bony, Abraham
Manchester City: Ederson; Walker, Otamendi, Fernandinho, Delph; De Bruyne, Gundogan, Silva, Sterling, Aguero, Sane
ÁRBITRO: Anthony Taylor
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 17ª rodada da Premier League 2017/18 a ser realizado no Liberty Stadium em Swansea

Nesta quarta-feira (13), o líder Manchester City busca manter a sua invencibilidade na Premier League contra o Swansea pela 17ª rodada da Premier League 2017/18. O jogo será realizado no Liberty Stadium no País de Gales.

O City vêm de uma grande vitória no derby de Manchester contra os Red Devils em pleno Old Trafford. Com gol de Otamendi, a equipe de Guardiola venceu a partida por 2 a 1. Já o Swansea venceu o West Bromwich Albion por 1 a 0 no Liberty Stadium em um jogo dramático para o time de Paul Clement.

Os resultados da atual rodada colocaram o time do País de Gales na lanterna da competição com 12 pontos somados. Já o Manchester City soma incríveis 46 pontos de 48 disputados e está com uma vantagem de 11 pontos sobre o seu rival e 2º colocado, Manchester United.

No histórico do confronto, o Manchester City tem uma grande vantagem sobre o seu adversário. São 33 jogos realizados, com 22 vitórias dos Citizens, 7 empates e apenas 4 vitórias para o Swansea. Foram 71 gols marcados pelo City contra 44 do Swansea.

Ainda sem o seu capitão, o Swansea busca conquistar feito 

A fase do time do País de Gales não é nada boa. Com a vitória do Crystal Palace sobre o Watford nos últimos instantes, a equipe de Paul Clement assumiu a lanterna da competição e o sinal de alerta foi ligado. A vitória no último fim de semana contra o West Bromwich Albion deu uma certa confiança para que a equipe possa voltar a conquistar bons resultados.

Para tentar superar o imbatível Manchester City, a equipe não poderá contar com o seu capitão Federico Fernandez, que está se recuperando de lesão e ainda está sem ritmo de jogo. Já o meia Wayne Routledge se machucou na última rodada e está fora do confronto de logo mais.

O técnico Paul Clement assumiu a superioridade do Manchester City e disse que o Swansea entra no jogo para surpreender e conseguir o resultado positivo."Nosso time é o grande azarão, sem dúvidas, mas muito times estiveram nesta situação no passado e conseguiram o resultado positivo. Faremos um jogo duro contra o Manchester City", afirmou o treinador

O francês ainda comentou que o fato de o Manchester City vencer os seus jogos de diferentes formas e em diferentes lugares acaba complicando a vida de muitos times.

"Estaremos enfrentando o melhor time da Premier League no momento e eles podem conseguir vencer os seus jogos de diferentes maneiras em diferentes lugares. Será um jogo muito complicado", concluiu.

Com problemas na zaga, o Manchester City vai em busca da sua 16ª vitória em 17 jogos

Quem consegue parar o Manchester City nesta Premier League? Isso é o que todos se perguntam quando chegamos na 17ª rodada da competição e nenhum clube conseguiu este feito até o momento. A equipe de Guardiola já realiza a melhor campanha da história da competição até esta rodada e vai em busca de muito mais e sem dar chance alguma para os seus adversários.

Para o jogo desta quarta-feira(13), a equipe tem alguns problemas no setor defensivo. O zagueiro Vincent Kompany se lesionou novamente no derby contra o Manchester United e não terá condições de jogo, assim como o outro zagueiro John Stones. A têndencia é que a dupla de zaga seja formada por Otamendi e Mangala. No ataque, o argentino Sergio Aguero deve voltar ao time titular no lugar de Gabriel Jesus, para que o treinador espanhol possa rodar o seu elenco.

O técnico Pep Guardiola afirma que não acha que sua equipe já venceu a Premier League, apesar da grande vantagem conquistada sobre o seu maior rival e diz se sentir incomodado quando as pessoas afirmam isso.

"As pessoas comentam que o Manchester City já é o grande campeão da Premier League, mas eu não acho isso, fico até incomodado quando dizem isso", afirmou o treinador dos Citizens.

O treinador afirma que o calendário apertado pode significar que a equipe possa perder pontos no futuro, mas que está muito orgulhoso do que os Citizens conquistaram até o momento.

"Jogar a Champions League é uma grande influência para a gente nesta temporada. Obviamente podemos perder pontos no futuro e a Premier League pode ser mais disputada, mas eu estou muito orgulhoso e feliz pelo o que o time fez até agora".