Balotelli admite vontade de jogar Champions League e afirma: "Voltaria para o City de graça"

Atacante defendeu o clube inglês de 2010 a 2012

Balotelli admite vontade de jogar Champions League e afirma: "Voltaria para o City de graça"
Com 16 gols em 21 jogos, Balotelli é o artilheiro do Nice nesta temporada (Foto: Romain Perrocheau/Getty Images)

Com futuro incerto no Nice, o atacante Mario Balotelli afirmou que voltaria ao Manchester City até "de graça". O jogador pode deixar o clube francês em janeiro, já que o presidente Jean-Pierre Rivère declarou que não poderá pagar os jogadores caso o time não consiga se classificar a uma competição europeia.

"Liguei para Mino Raiola [agente do atleta] e perguntei: 'O que vou fazer em janeiro?'. Ele disse que não sabia. Eu quero permanecer, então vamos ver. É certo que eu gostaria de ter uma equipe forte atrás de mim. Eu quero jogar na Champions League e ganhar alguma coisa", disse o jogador, em entrevista à Sky Sports Italia.

O Nice ocupa a sexta colocação na tabela da Ligue 1 e está a 11 pontos do Olympique de Marseille, time que ocupa a única posição que dá vaga à próxima Uefa Europa League. A distância é mesma que o Manchester City, líder da Premier League, impõe sobre o Manchester United, segundo colocado.

No City, Balotelli conquistou três títulos, incluindo a Premier League, e chegou a botar fogo no banheiro de sua casa

"Eu amo o Manchester City, os torcedores e o clube. Eu felizmente volto lá de graça. Foi o melhor ano da minha vida, mesmo que seja um pouco difícil de viver na cidade. Manchester não é Londres", contou Balo, que defendeu as cores do City entre 2010 e 2012 e causou polêmicas – chegou a botar fogo no banheiro de sua casa após soltar fogos de artifício do local.

"O passado está para trás, mas no futebol você sempre pode escrever novos capítulos. Meu erro era viver minha adolescência como qualquer outro adolescente, mas isso não era permitido. Eu não acho que eu fiz nada particularmente louco", assegurou o atacante de 27 anos.

Balotelli discute com o árbitro em jogo pelo City, em novembro de 2012 (Foto: Alex Livesey/Getty Images)
Balotelli discute com o árbitro em jogo pelo City, em novembro de 2012 (Foto: Alex Livesey/Getty Images)

Em meio a tantas polêmicas em sua carreira, Balotelli ainda não pensa em pendurar as chuteiras. "Eu certamente não estou pensando no final da minha carreira ainda. Tenho 27 anos, então posso jogar mais seis ou sete anos em alto nível. Sei que no futebol eu devo continuar trabalhando duro. Acho que estou no caminho certo para jogar bem. Veremos onde eu termino", ressaltou o jogador, artilheiro do Nice na temporada, com 16 gols em 21 jogos.

Por fim, ele admitiu estar na torcida para o City conquistar a Premier League com antecedência. "Em termos de futebol, City era espetacular. Estou tão feliz que eles estão forte com Pep Guardiola e espero que ganhem o título com 20 jogos de sobra", concluiu.