Wenger valoriza remontada do Arsenal na segunda etapa: "Jogo fantástico"

Depois de sair perdendo por 2 a 0 para o Liverpool, conseguir a virada e ceder o empate, Wenger fez um balanço da atuação de sua equipe, reconhecendo que o resultado poderia ter sido muito pior

Wenger valoriza remontada do Arsenal na segunda etapa: "Jogo fantástico"
(Foto: Catherine Ivill/Getty Images Sport)

Já dizia o ditado: "é melhor um pássaro na mão do que dois voando". No caso do Arsenal, este pode ser aplicado depois do compromisso diante do Liverpool pela Premier League, nesta sexta (22). Mesmo após ver sua equipe ceder o empate quando haviam conseguido reverter uma desvantagem de dois gols, Arsène Wenger valorizou os pontos positivos da partida, mas enfatizou que poderia ter sido uma noite catastrófica.

Em entrevista após a partida, o comandante do Arsenal fez questão de reconhecer a superioridade do adversário nos primeiros 45 minutos: "Poderia ter sido fim de jogo no intervalo, porque tivemos um primeiro tempo desastroso". O treinador também revelou sua insatisfação por não ter conseguido sair com a vitória, mas mostrou-se conformado com o resultado final: "É claro que estou frustrado que, no 3-2, não conseguimos manter o resultado, mas, no geral, o que você pode dizer? Foi um jogo fantástico".

"Eu ia manter isso em particular, mas eu acho que o positivo foi que nós ficamos apenas 1 a 0 atrás", respondeu o treinador quando perguntado sobre o que foi dito no intervalo. "Tivemos que apoiar mais os nossos atacantes e jogar com o freio de mão puxado. [...] Pois não tínhamos compostura o suficiente para colocar a bola no chão e jogar", completou.

Ademais, Wenger elogiou a atuação do goleiro Petr Cech, mesmo após a falha do tcheco no terceiro gol do adversário, destacou a evolução de Wilshere e também confirmou a lesão de Monreal"Problema no tornozelo".

O próximo compromisso do Arsenal acontece na quinta-feira (28), quando enfrenta o Crystal Palace no Selhurst Park, pela 20ª rodada da Premier League.