Com dois gols, Lingard salva United de derrota em casa diante do Burnley

Clarets chegaram a abrir dois gols de diferença, mas Red Devils correram atrás e conseguiram empate nos acréscimos

Com dois gols, Lingard salva United de derrota em casa diante do Burnley
Lingard marcou duas vezes, e um deles saiu após belo toque de letra (Foto: Alex Livesey/Getty Images)
Manchester United
2 2
Burnley
Manchester United: de gea; young, jones, rojo (mkhitaryan), shaw; pogba, matic; mata, ibrahimovic (lingard), rashford; lukaku. técnico: mourinho.
Burnley: pope; bardsley, long, mee, taylor; cork; gudmundsson, hendrick, defour (vokes), arfield; barnes (walters). técnico: dyche.
Placar: 0-1, barnes. 0-2, defour. 1-2, lingard. 2-2, lingard.
ÁRBITRO: martin atkinson.
INCIDENCIAS: partida válida pela 20ª rodada da Premier League, disputada no old trafford, em manchester, na inglaterra.

No tradicional "Boxing Day", rodada da Premier League que ocorre um dia após o Natal, o Manchester United empatou nesta terça-feira (26) com o Burnley, por 2 a 2, em jogo recheado de emoções. Com dois gols, o meia-atacante Lingard salvou os mandantes de derrota no Old Trafford. Os tentos dos visitantes foram marcados por Barnes e Defour. A partida foi válida pela 20ª rodada da liga inglesa.

Com o resultado, os Red Devils permanecem na segunda colocação, com 43 pontos, 12 atrás do líder Manchester City, que ainda joga na rodada. Já os Clarets militam na sétima colocação, com 33 pontos conquistados até o momento.

O Manchester voltará aos gramados no próximo sábado (30), às 15h30, quando receberá o Southampton. Já o Burnley visitará o Huddersfield no mesmo dia, mas às 13h. Ambas as partidas serão válidas pela Premier League.

Burnley marca duas vezes e aguenta pressão de United na etapa inicial

Mesmo jogando em casa, os Red Devils sabiam que não teriam tarefa fácil enfrentando os surpreendentes Clarets, e a certeza disso veio logo no primeiro ataque da partida. Após cobrança de falta na lateral, a bola ficou perdida na pequena área, e o atacante Barnes aproveitou para abrir o placar.

O Burnley teve a chance de ampliar, aos 12 minutos, com o chute de Arfield no travessão. A partir desse momento, O United passou a correr atrás do prejuízo. Por isso, começou a avançar seus jogadores e conseguiu criar muitas oportunidades de gol, mas sem sucesso. 

Aos 18, Shaw finalizou de longa distância, mas Pope defendeu. Minutos depois, Pogba subiu mais que todos na área e cabeceou à meta, ganhando escanteio após outra intervenção do arqueiro inglês.

Apesar de toda a pressão dos mandantes, quem voltou a marcar foi o Burnley, aos 36. Em falta cometida por Young na entrada da área, Defour chutou colocado no ângulo esquerdo e balançou as redes novamente. 

Foto: LINDSEY PARNABY/AFP/Getty Images
Golaço de falta garantiu a vitória do Burnley (Foto: LINDSEY PARNABY/AFP/Getty Images)

A grande chance do Manchester United na etapa inicial aconteceu aos 38 minutos, quando Rashford recebeu dentro da área e chutou rasteiro. A bola passou por Pope e ia entrando, mas Mee apareceu debaixo do travessão para afastar o perigo. 

Lingard aparece e empata a partida após enorme pressão dos Red Devils

Na etapa final, as ações continuaram sendo dominadas pelo Manchester United. Precisando pelo menos do empate para não ver seu rival, Manchester City, se isolar ainda mais na liderança, Mourinho voltou com um time mais ofensivo. Dessa vez, com sucesso.

Logo no começo, Lingard teve duas grandes chances, e converteu a segunda. Primeiro, finalizou na pequena área e a bola pingou duas vezes no travessão, sendo afastada pela zaga. Depois, recebeu cruzamento rasteiro e finalizou de letra, acertando o canto de Pope e fazendo um golaço.

Aos 16, Shaw fez boa jogada individual e chutou, mas parou no arqueiro dos Clarets. Aos 24, Pogba teve uma boa chance cobrando falta na intermediária ofensiva, mas a finalização passou perto da trave, sem entrar.

A pressão seguiu até os acréscimos, e foi justamente no "Fergie Time" que o empate heroico ocorreu. Aos 46, após bate-rebate na área, Lingard finalizou perto da marca de pênalti e a bola morreu no fundo da rede, deixando tudo igual no Old Trafford. Os Red Devils ainda tentaram um último ataque, mas não conseguiram virar o jogo. 

Foto: Alex Livesey/Getty Images
Foto: Alex Livesey/Getty Images