Klopp se diz feliz por goleada do Liverpool sobre Swansea e destaca atuação de Firmino

O técnico alemão falou em jogo difícil, mas elogiou o desempenho do Liverpool na goleada por 5 a 0, destacando em especial seu "sempre envolvido" camisa 9

Klopp se diz feliz por goleada do Liverpool sobre Swansea e destaca atuação de Firmino
O Liverpool de Klopp voltou à zona da Champions League (Foto: Jan Kruger/Getty Images)

Os torcedores do Liverpool tiveram um grande motivo para saírem felizes de Anfield Road no Boxing Day. Jogando em casa nesta terça-feira, os Reds bateram com autoridade o Swansea City por 5 a 0, pela 20ª rodada da Premier League. O triunfo sobre o lanterna do campeonato alçou a equipe de volta ao quarto lugar, fechando a zona de classificação para a Uefa Champions League.

Mas apesar de mais um resultado largo na temporada, o treinador do segundo maior campeão inglês se recusa a dizer que foi fácil. Na entrevista coletiva pós-jogo, Jürgen Klopp elogiou o adversário e lembrou que, no primeiro tempo, o Liverpool teve dificuldades para se encaixar no estilo de jogo do Swansea (o time da casa foi para o intervalo vencendo por 1 a 0, com um belíssimo gol de Philippe Coutinho). Porém, ele afirma ter saído satisfeito com o desempenho de seus comandados como um todo, especialmente com algumas situações como a boa marcação pressão e a compactação no segundo tempo, e destacou que o conjunto da obra tornou o resultado perfeito – goleada sem tomar gols e nenhum jogador lesionado.

É difícil, você pode dizer muitas coisas antes do jogo nas análises, mas é sempre diferente no campo. O Swansea é um time diferente de se enfrentar, eles jogam um verdadeiro futebol, então nossa arma principal deveria ter sido o contra-ataque, porque você não pode vir com todas as bolas e em muitas vezes perdê-las, e aí no segundo seguinte ela estar a 80 jardas de você. Nosso timing (no primeiro tempo) não estava bom nas situações, a formação não estava boa nessas situações e nós estávamos sempre um pouco atrasados. Eles puderam jogar. Eles não tiveram muitas chances, foram uma ou duas, mas foi intenso, o caminho estava sempre mais longo para voltar às posições e situações corretas”, disse o treinador alemão.

Mesmo em um primeiro tempo não muito bom, tivemos chances suficientes para marcar dois ou três gols e isso seria suficiente. Não estava desapontado ou algo do tipo no intervalo, mas tivemos que defender algumas situações muito melhor, tivemos que ser mais compactos. Acho que marcamos os primeiros três gols depois de situações de pressão e isso é bom. Parece depois do jogo que, por ter sido 5 a 0, você pensa ‘wow, jogo fácil’, mas não foi, teve muito trabalho duro e não tenho problemas com isso. Estou muito feliz pelas coisas que aprendemos do jogo de hoje. Foi um resultado perfeito para nós: ninguém se machucou até onde eu sei, três pontos muito importantes, cinco gols, não fomos vazados. Tudo foi bom”, acrescentou.

Coutinho (esq.) e Firmino (dir.) combinaram para três gols e uma assistência no Boxing Day (Foto: Divulgação/Liverpool FC)
Coutinho (esq.) e Firmino (dir.) combinaram para três gols e uma assistência no Boxing Day (Foto: Divulgação/Liverpool FC)

Ele também destacou o bom desempenho de Roberto Firmino. O atacante brasileiro marcou dois gols na goleada e chegou a nove no campeonato, tornando-se o segundo artilheiro do time na liga (atrás apenas de Mohamed Salah, com 15). Klopp afirmou que não se importa tanto com a quantidade de gols de cada um de seus jogadores, mas sim com a forma como eles se envolvem em situações de perigo. Por isso, o alemão aprovou a atuação do camisa 9, lembrando dos vários momentos do jogo onde ele saiu de sua posição, envolvendo-se diretamente nos principais lances de ataque.

Estou sempre feliz pelos meus rapazes quando eles marcam, mas não consigo dizer quantos gols ou ou outro tem. Não me importo muito, para ser honesto. Se jogamos como fazemos nos bons momentos, eles estarão em diferentes situações e será mais fácil de marcar, como no segundo gol do Roberto (Firmino). Eu sempre aprecio sua dedicação e sua performance. Ele marcou duas vezes e estou feliz por isso, mas não posso dizer quantos gols exatamente ele marcou nessa temporada, porque sinto que ele está sempre envolvido, dentro e em volta de situações perigosas para o oponente. No primeiro tempo ele ajudou os dois laterais, estava em todo lugar. No final marcou dois gols, e isso é bom”, complementou.

Além dos três gols brasileiros, Trent Alexander-Arnold e Alex Oxlade-Chamberlain completaram a goleada por 5 a 0. O próximo desafio do Liverpool é pela 21ª rodada da Premier League, também diante da torcida em Anfield Road, contra o Leicester City no próximo sábado (30).