Após atrito com Holgate, Roberto Firmino é acusado de injúria racial

Jovem inglês reclama com Bobby Madley, árbitro da partida, que leva caso para a Federação Inglesa investigar

Após atrito com Holgate, Roberto Firmino é acusado de injúria racial
Foto: Clive Brunskill/Getty Images

A partida entre Liverpool e Everton, pela terceira fase da FA Cup, trouxe muitas emoções aos espectadores, mas também, como todo clássico, muitas cenas duras, com muitas faltas e discussões entre os jogadores adversários. Uma dessas ocorreu aos 40 minutos, quando Roberto Firmino usou o corpo para roubar a bola de Holgate e o inglês, estressado, empurrou o brasileiro para fora do campo, indo de encontro uma das placas de publicidade de Anfield.

Após esse lance, Roberto Firmino, muito irritado, falou diversas coisas em um tom raivoso a Holgate, que se revoltou e tentou partir para cima do brasileiro, mas foi contido pelos jogadores. Após o apito final, o inglês acusou uma suposta injúria racial cometida pelo jogador rival e, com isso, a FA , junto com o árbitro Bobby Madley, abriu uma investigação contra essa suposta declaração do atacante do Liverpool

Nesse sábado (6), a entidade que comanda o futebol inglês lançou uma nota oficial. “A FA confirma que o árbitro Bobby Madley estava ciente dessa alegação durante a partida Liverpool contra Everton, que foi disputada no Anfield na última noite (5) e foi reportada para a federação, que começará a investigar para tirar conclusões sobre esse problema.”

Além disso, um funcionário da diretoria do Liverpool também deu sua declaração sobre o assunto logo após o apito final da partida. “O clube e o jogador irão colaborar veemente com as autoridades relevantes para garantir que os fatos estarão concretos e para saber se haverá a necessidade de alguma maneira ser necessitada ou tomada. Com esse processo em andamento, não faremos mais nenhum comentário sobre o assunto.”, disse.

Nas entrevistas coletivas pós-jogo, Sam Allardyce deu uma declaração sobre o assunto. “Não falarei nada sobre até que qualquer sistema consiga achar o que aconteceu realmente. O que acontece fora das quatro linhas tem que ser resolvido pelas autoridades. Se aconteceu ou não, eu não falarei sobre isso aqui nessa coletiva. Isso se remete à outras áreas de um clube de futebol. Eu falei com o diretor para resolver o quanto antes.”, declarou.

Jürgen Klopp, treinador dos Reds, também deu sua declaração. “Eu só escutei coisas sobre, mas não posso dizer nada porque até agora não consegui falar com ninguém. De agora em diante, o clube irá responder. Eu realmente não sei nada sobre esse assunto. Eu acabei julgando a situação mal. Eu pensei que era sobre uma falta do Holgate, mas, no fim, não foi marcado nada, nem cartão amarelo, nada. Eu não havia entendido toda a situação, mas eu consegui a informação que alguma coisa obviamente aconteceu, mas não posso falar mais nada sobre isso.”, disse.