Forest ressurge das cinzas, vence e Arsenal é eliminado na terceira rodada após 22 anos

Partida foi eletrizante do início ao fim, mas os donos da casa acabaram sobrevivendo com dois pênaltis na etapa final

Forest ressurge das cinzas, vence e Arsenal é eliminado na terceira rodada após 22 anos
Brereton (centro) marcou dois na partida (Foto: James Williamson / AMA via Getty Images)
Nottingham Forest
4 2
Arsenal
Nottingham Forest: Smith, Lichaj, Worrall, Mancienne, Traore, Osborn, Vaughan, Cash (McKay 87'), Dowell (Mills 90+3'), Clough (Walker 56'), Brereton.
Arsenal: Ospina, Debuchy (Akpom 87'), Mertesacker, Holding, Nelson, Willock (Nketiah 67'), Elneny, Maitland-Niles, Walcott, Iwobi, Welbeck.
Placar: 1-0, min. 20, Lichaj. 1-1, min. 22, Mertesacker. 2-1, min. 44, Lichaj. 3-1, min. 64, Brereton (pen). 3-2, min. 79, Welbeck. 4-2, min. 84, Brereton (pen).
ÁRBITRO: Jonathan Moss. Amarelo: Debuchy 83', Ospina 84', Mertesacker 86'. Vermelho: Worrall 89'.
INCIDENCIAS: partida válida pela terceira rodada da copa da inglaterra, realizado no city ground, em nottingham, inglaterra.

Arsène Wenger jamais havia perdido na terceira rodada da Copa da Inglaterra treinando o Arsenal. Neste domingo (7), perdeu. Jogando no City Ground com um time alternativo, os Gunners enfrentaram o Nottingham Forest, atualmente na segunda divisão, e acabou perendo por 4 a 2. Lichaj e Brereton marcaram dois cada um, sendo o segundo sendo os seus de pênalti, e Welbeck e Mertesacker fizeram para os visitantes. Sorteio para a quarta rodada acontece nesta segunda-feira (8). 

A equipe londrina agora foca seus esforços na Premier League, Uefa Europa League e nas semifinais da Copa da Liga Inglesa, estando fora da FA Cup nesta rodada pela primeria vez desde 1996. Já o Forest, continua sua empreitada na competição, além de se manter na busca por uma vaga nos playoffs da Championship. Atualmente eles são 14º na tabela. 

Forest vira primeira etapa com vantagem após dois de Lichaj

No início da partida, o Arsenal teve mais a posse de bola no campo de ataque, tentando se impor sobre o adversário e criar algumas oportunidades que pudesse vir a ser finalizadas em gol. Welbeck, aos sete minutos, conseguiu fazer boa jogada individual pelo centro e tocou, com rapidez, para Walcott que acabou chutando errado para a meta, sendo defendido facilmente pelo goleiro.

Aos 14 minutos, Cash recebeu bola vindo da esquerda e bateu cruzado, da direita, mas a redonda foi saindo pela linha de fundo. Seis minutos depois, porém, os donos da casa viriam a abrir o placar no City Ground. Cobrança de falta vindo da direita encontrou a cabeça de Lichaj, que se antecipou a Ospina e mandou para o fundo das redes. Mas, aos 22, apenas dois minutos depois, Walcott cruzou para a área e Holding cabeceou na trave. No rebote, Mertesacker dominou e arrematou de esquerda para igualar a partida. 

Após os tentos, as duas equipes conseguiram ter chances de gols, mas o Forest foi quem se aproximou mais. Ospina precisou fazer duas defesas providenciais para evitar que os rivais conseguissem mudar o marcador. Já os Gunners tiveram algumas com Walcott e Welbeck, mas impedimentos e chutes defendidos impediram o gol. Willock também teve uma oportunidade de fora, mas mandou pela linha de fundo. Mas, quando se aproximava do fim da primeira etapa, Lichaj matou a bola no peito e arrematou de primeira, para fazer o segundo gol seu e do Nottingham no jogo. 

Segundo tempo é eletrizante, mas Forest sobrevive com dois pênaltis

Embora fosse o Arsenal que precisasse sair para o jogo para conseguir o empate, foi o Forest que se apresentou cada vez mais perigoso conforme o tempo foi passando. Os donos da casa não desistiram de tentar ampliar a vantagem, ou sequer se fecharam, esperando que os Gunners fizessem o seu jogo, deixando o contra-ataque à mercê dos anfitriões. 

Próximo dos 20 minutos, Holding acabou fazendo falta em Cash dentro da área, sendo marcado o pênalti. Brereton foi para a cobrança, tirou de Ospina e ampliou a vantagem para o Forest. Aos 33, Welbeck recebeu passe dentro da área, mas o goleiro Smith chegou para pegar a bola. O arqueiro, porém, acabou soltando a bola de leve, e o inglês, esperto, empurrou para as redes, diminuindo o placar. A resposta veio um minuto depois, com Walker, mas Ospina fez a defesa. 

Já chegando próximo dos 40, Brereton cobrou novo pênalti e fez o quarto dos donos da casa no jogo, matando a partida naquele momento. Após aí, os visitantes ainda tiveram com um jogador a mais em campo, mas não conseguiram capitalizar em gol, terminando derrotado para o Forest. Arsène Wenger foi eliminado da terceira rodada pela primeira vez em sua carreira e o Arsenal saiu da competição na fase pela primeira vez desde 1996.