Agüero marca no final e Manchester City vira para cima do Bristol City na Copa da Liga

Após sair atrás no marcador, o time de Pep Guardiola contou com Kevin de Bruyne e Sergio Agüero para sair com a vantagem no confronto pela semifinal da Carabao Cup

Agüero marca no final e Manchester City vira para cima do Bristol City na Copa da Liga
Foto: Gareth Copley/Getty Images
Manchester City
2 1
Bristol City
Manchester City: Bravo; Danilo, Stones, Mangala, Zinchenko (Walker); Gündogan, Yaya Touré (Agüero), De Bruyne; Bernardo Silva, Sterling, Sané.
Bristol City: Fielding; Wright, Flint, Baker, Magnússon (Walsh); Brownhill, Pack, Smith, Bryan; Paterson; Reid.
Placar: 0-1, min. 44, Reid. 1-1, min. 55, De Bruyne. 2-1, min. 92, Agüero.
ÁRBITRO: Andy Taylor (ING). Cartões amarelos: Flint (min. 56), Smith (min. 58), Bryan (min. 60)
INCIDENCIAS: Partida válida pela fase semifinal da Carabao Cup. Jogo disputado no Etihad Stadium, em Manchester (ING). 43,426 espectadores.

O Manchester City suou para vencer o Bristol City, por 2 a 1, de virada, no Etihad Stadium. O jogo foi válido pela ida da semifinal da Carabao Cup, nesta terça-feira (9). Os gols do City foram de Kevin de Bruyne e Sergio Agüero, enquanto Bobby Reid marcou pelo lado visitante.

O resultado deixa o Manchester City com a vantagem no confronto. Um empate bastará para que os Citizens avancem à decisão da Carabao Cup. O Bristol City precisará vencer por dois gols de diferença para avançar sem a necessidade de prorrogação. 

Se vencer por um gol de diferença e sair sem levar gols, o Bristol City joga pelo empate na prorrogação. Porém, se vencer por um gol de diferença e levar dois gols ou mais, será o Manchester City que jogará pelo empate no tempo extra.

As duas equipes se reencontram no dia 23, uma terça-feira, para o jogo de volta da semifinal da Carabao Cup. O jogo será sediado no Ashton Gate, na cidade de Bristol.

Bristol sai na frente

A primeira etapa foi dominada pela equipe do Manchester City. O time de Pep Guardiola buscou o ataque em praticamente todo o primeiro tempo, mas foi muito bem bloqueado pela defesa do Bristol City em todas as tentativas de ataque. 

O City perdeu algumas chances de gol ao longo da primeira etapa, com Bernardo Silva, Kevin de Bruyne, Eliaquim Mangala e Raheem Sterling. O goleiro Frank Fielding também contribuiu com defesas importantes para o primeiro tempo terminar sem gols sofridos do lado visitante.

Mesmo com a pressão dos Citizens, o Bristol City conseguiu um gol importante no confronto, de pênalti. Aos 42 minutos, John Stones chegou atrasado em uma dividida e acertou um carrinho em Bobby Reid dentro da grande área. O próprio Reid cobrou o pênalti e converteu, sem chances para Claudio Bravo.

City vira no apagar das luzes 

O segundo tempo continuou sendo de amplo domínio do Manchester City, desta vez com um Bristol City mais desorganizado em sua marcação. O preço foi pago logo no começo da etapa final, aos dez minutos, quando Raheem Sterling recebeu passe de Kevin de Bruyne na grande área, pela ponta direita, e devolveu para o belga finalizar firme para o gol e empatar a partida.

Aos 47 minutos do segundo tempo, veio a virada do Manchester City. Após cruzamento do meia Bernardo Silva, pela ponta direita de ataque, a bola viajou para o meio da grande área e Sergio Agüero se antecipou à zaga e ao goleiro do Bristol City e cabeceou para as redes. 

Com a vitória, o Manchester City completa o décimo jogo seguido sem perder na temporada. A última (e única) derrota dos comandados de Pep Guardiola foi diante do Shakhtar Donetsk, pela UEFA Champions League, no dia 6 de dezembro.