Chelsea não aproveita expulsão, fica no zero com Leicester e chega ao terceiro empate seguido

Chilwell recebeu o vermelho no segundo tempo, mas Blues não conseguiram marcar na boa defesa dos Foxes

Chelsea não aproveita expulsão, fica no zero com Leicester e chega ao terceiro empate seguido
Se ataque não fez, defesa também não levou e, no fim, a 'bandeira' foi protegida (Foto: Clive Rose / Getty Images)
Chelsea
0 0
Leicester City
Chelsea : Courtois; Azpilicueta, Cahill (Christensen 32'), Rudiger; Moses, Bakayoko, Kante, Fabregas (Pedro 57'), Alonso; Hazard (Willian 57'), Morata.
Leicester City: Schmeichel; Amartey, Dragović, Maguire, Chilwell; Mahrez, James (Iborra 89'), Ndidi, Albrighton; Okazaki (Fuchs 72'), Vardy (Gray 81').
ÁRBITRO: Mike Jones. Amarelos: Matty James 17', Kanté 55', Okazaki 60', Chilwell 63', Chilwell 67', Morata 86'. Vermelho: Chilwell 67'.
INCIDENCIAS: partida válida pela 23ª rodada da premier league 2017/18, realizado no stamford bridge, em londres, inglaterra.

O Chelsea parece ter tomado gosto por empates sem gols. Depois de dois seguidos, um pela Copa da Inglaterra e outro pela Copa da Liga Inglesa, os Blues entraram em campo do Stamford Bridge contra o Leicester, neste sábado (13), para tentar mudar essa escrita. Porém, mesmo estando com um jogador a mais no segundo tempo (Chilwell foi expulso na etapa final), a partida da 23ª rodada da Premier League 2017/18 acabou terminando em 0 a 0, capitalizando o terceiro para o time de Antonio Conte

Sendo esse o primeiro empate sem gols pela liga na sequência citada, o time londrino chega ao seu 47º ponto, abrindo três para o quarto colocado, Liverpool, que ainda joga na rodada. É a mesma pontuação do Manchester United, vice-líder, mas ainda está a 15 do City, podendo aumentar ainda mais. Já no caso dos Foxes, o 31º ponto chegou para a equipe, que garante a oitava posição na rodada.

Pela Premier League, o Chelsea viaja ao sul no próximo sábado (20), para jogar contra o Brighton and Hove Albion, às 10h30. O Leicester joga no mesmo dia, mas no horário das 13h, frente o Watford, em casa. Ambos os horários pelo de Brasília. 

Goleiros têm boas atuações e times não abrem placar no primeiro tempo

Como já era esperado, o Chelsea começou em cima do adversário, tentando criar oportunidades para abrir o placar. Isso acabou deixando o contra-ataque para o Leicester, que teve algumas chances de criar jogadas em cima disso, mas sem sucesso também. Entre os minutos sete e dez, os visitantes acabaram levando muito perigo ao gol do adversário.

Primeiro com Okazaki, que cabeceia cruzamento de Chilwell por cima do gol. Depois com Vardy, que recebe novo lançamento do lateral-esquerdo, mas o atacante não consegue fazer o toque ir para o gol. Por fim, com o mesmo camisa 9, que recebeu bola nas costas da marcação e arrematou para a meta, mas a redonda saiu em linha de fundo. 

Aos 11, Ndidi quase abriu o placar em novo cabeceio, mas o volante viu Courtois fazer bela defesa. No minuto seguinte, o Chelsea deu a sua resposta com Fàbregas que recebeu o esférico e bateu cruzado, mas foi a vez de Schmeichel fazer a defesa. Quando o relógio marcava 15, Hazard teve sua chance de tentar o arremate, mas novamente o chute foi defendido. 

As chances só voltaram a acontecer no fim do primeiro tempo, quando Morata fez boa jogada aos 32 driblando Dragovic, mas o chute foi aparado por Schmeichel. Quatro minutos depois, o Leicester apareceu no campo de ataque novamente com Albrighton que aproveitou rebote em chute de Okazaki, mas a redonda saiu em linha de fundo. A última oportunidade do primeiro tempo veio com Fàbregas, que arrematou com força já próximo dos 45, mas para nova defesa do goleiro. 

Chelsea fica com um a mais, mas não consegue fazer o gol na boa defesa do Leicester

A primeira ação da etapa final aconteceu próximo dos 10 minutos, quando Mahrez recebeu boa bola de Vardy dentro da área e tentou limpar a marcação para chutar de cara para o gol, mas acabou caindo. O juiz não deu o pênalti e o jogo seguiu. Minutos depois, o mesmo argelino fez boa jogada individual da direita para a esquerda e arrematou de fora. A redonda desviou na marcação e quase matou Courtois, mas o esférico saiu em linha de fundo.

Quando o Chelsea passou a gostar mais do jogo, Chilwell acabou sendo expulso, quando passou dos 20 minutos, ao levar o segundo cartão amarelo. O bombardeio Blue começou aos 26, com Kanté, que arrematou de fora da área com força, mas Schmeichel fez a defesa em dois tempos. O próximo a tentar foi Bakayoko, aos 32, em nova batida de fora, mas a bola saiu em linha de fundo. 

Os chutes de fora continuaram para o Chelsea, visto a boa defesa posta pelo Leicester. Sem conseguir penetrar na área para realizar uma jogada mais trabalhada, os donos da casa viram suas oportunidades se reduzirem a esses chutes de fora, embora não tenham tentado tanto. Mais para o fim, os visitantes conseguiram roubar a bola em determinados momentos, sair em contra-ataques rápidos ou apenas afastavam o perigo, mas nada que levasse alguma preocupação para os Blues. Já nos acréscimos, Alonso arriscou uma cobrança de falta, mas Schmeichel caiu para fazer a defesa.