Özil dribla incertezas, renova com Arsenal e vira jogador mais bem pago da história do clube

Alemão, peça chave na equipe de Arsène Wenger, assinou novo vínculo até 2021

Özil dribla incertezas, renova com Arsenal e vira jogador mais bem pago da história do clube
Foto: David Price/Arsenal FC

Após um último dia de janela agitado, com a contratação do atacante Pierre-Emerick Aubayemang, o torcedor do Arsenal tem outro motivo para ficar feliz: nessa quinta-feira (1º), os Gunners confirmaram a renovação de contrato do meio-campo Mesut Özil até 2021, algo que vinha sido muito comentado nos bastidores do Emirates Stadium e nos últimos meses e que representa a permanência do alemão na equipe de Arsène Wenger. Com o novo vínculo, o atleta será o jogador mais bem pago da história da equipe londrina.

Essa renovação está sendo muito comemorada pelos torcedores do clube de Norte de Londres, já que o jogador, como alguns veículos ingleses indicavam, estava insatisfeito com o ambiente do clube e o treinador Arsène Wenger, podendo deixar o Arsenal rumo ao Manchester United, assim como Alexis Sánchez. Após um longo tempo negociando, o alemão chegou a um consenso com a diretoria e continuará representando as cores dos Gunners.

Özil é um dos melhores jogadores do Arsenal na atual temporada. Após um início não muito animador, o alemão conseguiu se adaptar às novas ideias de Arsène Wenger e voltou a apresentar as atuações de sempre, esbanjando classe e qualidade sempre que tem a bola em seus pés. Com os novos companheiros Mkhitaryan e Aubameyang, a tendência é que suas atuações melhorem cada vez mais.

Nessa temporada, o alemão marcou quatro gols, distribuiu sete assistências e criou incríveis 70 oportunidades de tento em 21 partidas em todas as competições – excluindo a Uefa Europa League, torneio que ainda não entrou em campo. Em toda sua carreira no Arsenal, que começou em 2013, Özil marcou 36 gols e deu 61 assistências em 182 partidas. Além disso, conquistou três FA Cups.  

A assinatura de um novo contrato de longa duração é a prova de que a reconstrução do Arsenal, que passa por um período difícil, passará, literalmente, pelos pés de Özil, um dos jogadores mais criativos no planeta. Em suas redes sociais, o clube londrino esbanja um aproveitamento de marketing e contato com os torcedores, postando muitos conteúdos, entre vídeos, fotos e Gifs, sobre o jogador.