Flamengo vence o clássico e tira o Fluminense da liderança do grupo
(Foto: Ivo Gonzalez/Agência O Globo)

Com a interdição do Engenhão, cabia ao Raulino de Oliveira a honra de receber o primeiro Fla-Flu de 2013. A situação das equipes na tabela não viria a ser reflexo do resultado final. O Flamengo em crise, já eliminado da taça rio enfrentava o Fluminense, líder do seu grupo na libertadores e momentaneamente líder também do seu grupo no carioca. O favoritismo tricolor não foi demonstrado em campo, em bela partida de Renato Abreu e Gabriel, o Flamengo venceu por 3 a 1, retirou seu rival da liderança do Grupo B e criou esperança de dias melhores para o restante do ano.

O clássico

O Fluminense subia a campo desfalcado de Fred e o Flamengo sem Carlos Eduardo, se a ausência dos seus craques poderia interferir no jogo, isso se faz mais presente para o lado tricolor. O ínicio de jogo foi de domínio rubro negro e o placar não demorou a ser aberto. Logo aos 8 minutos, Gabriel acertou bom lançamento para Léo Moura que foi a linha de fundo e cruzou para Hernane - que aproveitando a falha de Gum - abriu o placar no Raulino de Oliveira.

O gol foi espelho para a ampla vantagem rubro negra no primeiro tempo. O Flamengo chegava bem pelas laterais e não fez o segundo mais cedo, pois Diego Cavalieri estava salvando a pátria tricolor. Entretanto, aos 44 minutos, Carlinhos cometeu pênalti duvidoso em cima de Rafinha, Renato Abreu cobrou e ampliou o marcador sem chances para o goleiro tricolor. 

Vitória rubro-negra e retorno de Wellington Nem

Mesmo com a vantagem, o Flamengo continuou com o mesmo ritmo para o segundo tempo, e a insistência logo foi recompensada. Ramon recebeu lançamento da esquerda e cruzou para Rafinha, que entre os dois zagueiros tricolores, conseguiu chutar para Cavalieri defender, mas no rebote, Renato Abreu apareceu para marcar o terceiro gol rubro-negro e o seu segundo na partida.

Com a fatura liquidada, coube a Jorginho fazer o restante de suas substituições e ouvir gritos de 'burro' da torcida presente no Raulino. Já Abel Braga concedeu a Wellington Nem o seu retorno aos gramados após uma contusão, visando o jogo de quinta feira pela Libertadores. Em campo, Nem viu Carlinhos fazer boa jogada e cruzar para Rafael Sóbis diminuir o marcador e definir o placar final: 3 a 1. Abel ainda seria expulso de campo pelo árbitro Marcelo de Lima Henrique por reclamação.

Com a derrota o Fluminense viu o Resende assumir a liderança do Grupo B da Taça Rio e foca suas atenções para o jogo de quinta feira pela Taça Libertadores onde enfrenta o Huachipato em casa, precisando apenas de um empate para se classificar. Já o Flamengo, mesmo eliminado, garantiu sua classificação para o Troféu Luiz Penido, e tem jogo marcado contra o Remo, em casa, pela Copa do Brasil.

VAVEL Logo