Em casa, Lusa tropeça diante do Naviraiense e está fora da Copa do Brasil
Foto: Divulgação/Portuguesa

Após três anos da histórica goleada sofrida para o Santos de Robinho, Neymar e Paulo Henrique Ganso por 10 a 0, o Naviraiense voltou a São Paulo, também pela primeira fase da Copa do Brasil, desta vez, a partida de volta foi contra a Portuguesa de Desportos. Porém, o desfecho foi outro e a equipe voltou ao Mato Grosso do Sul com uma classificação histórica. Aproveitando a instabilidade lusitana, o time comandado por Paulo de Rezende arrancou um empate em 1 a 1 no Canindé e avançou para a segunda fase da competição, graças ao gol marcado por Paulo Sérgio - no jogo de ida, o resultado foi um empate sem gols.

Os gols da partida foram marcados por Paulo Sérgio, que recebeu de Piqui, avançou pela esquerda e chutou rasteiro da entrada da grande área, e de Arraya, que aproveitou o rebote após Michel tentar de cabeça. Cerca de 50 torcedores do Naviraiense viajaram até São Paulo para apoiar o time na noite de ontem, e um deles, ostentava um cartaz com a mensagem "Rumo a Tóquio 2025", visando a Copa do Mundo de Clubes daqui a 12 anos.

- É uma sensação muito boa, algo muito gratificante conseguir a classificação aqui diante da Portuguesa - afirmou Jean Batatais, que esteve presente nos 10 a 0 para o Santos na edição de 2010.

Na próxima fase, o Naviraiense enfrentará o Paysandu, que carimbou presença na segunda fase ao eliminar o São Raimundo/RR. Antes, o time sul-matogrossense disputa a partida de volta das semifinais do estadual contra o Itaporã. Com a vantagem após vitória na ida por 1 a 0, o Naviraiense avança com um simples empate nesse domingo (21). Já para a Lusa, só resta a disputa pelo acesso na Série A2 do Paulistão. Também no domingo, a Lusa reencontra o Comercial, responsavel por instalar a crise no Canindé após a goleada por 7 a 0, no último sábado (13).

VAVEL Logo