FMF acata liminar e ida das semifinais do Mineiro não serão mais disputadas em Belo Horizonte
Jogo entre Villa Nova e Cruzeiro, a príncipio, foi remarcado para o Castor Cifuentes / Foto: Marcos Michelin/EM/D.A Press

O Tribunal de Justiça Desportiva de Minas Gerais deferiu liminar para impedir que os jogos de ida das semifinais do Campeonato Mineiro fossem disputados em Belo Horizonte.

A princípio, Villa Nova e Tombense tiveram seus pedidos aceitos e jogariam no Independência, podendo assim ter maiores lucros com bilheteria. Mas segundo o procurador-geral do TJD, a marcação dos jogos para a capital, caracteriza inversão de mando de campo, já que Tombense e Villa Nova são os mandantes dos jogos de ida.

A Federação Mineira de Futebol acatou a liminar e já remarcou o jogo entre Tombense e Atlético-MG para a cidade de Tombos e o duelo entre Villa Nova e Cruzeiro para Nova Lima. A decisão, porém, não agradou os clubes que não estão satisfeitos em jogar em suas cidades que posseu estádios muito acanhados. Tombense e Villa pedem uma segunda opção. Sem poder jogar no Independência, o Tombense prefere que o jogo contra o Atlético seja marcado para Juiz de Fora, no estádio Radialista Mário Helênio e o Villa Nova quer mandar o seu jogo contra o Cruzeiro em Sete Lagoas, na Arena do Jacaré.

Clubes e federação pretendem dar fim ao imbróglio o mais rápido possível, já que com a aproximação dos dias dos jogos, os clubes estão perdendo tempo na venda de ingressos.

VAVEL Logo