Em jogo "gelado", São Caetano e Ceará não saem do zero na Série B
 * Direto do Estádio Anacleto Campanella, SP

Pela estreia da Série B, na noite desta sexta-feira (24), no gelado Estádio Anacleto Campanella, São Caetano e Ceará fizeram um jogo também "frio" e ficaram no 0 a 0. Resultado comemorado pelos dois lados, inclusive pelo Azulão, que entrou com uma equipe reformulada (com cinco novos titulares em relação ao Campeonato Paulista).

Nessa reformulação, a defesa foi quem se saiu melhor. Rafael Santos foi seguro no gol, enquanto os três zagueiros conseguiram manter o ataque do Vozão pouco eficiente. Só aos 33 minutos que  Lulinha teve uma boa oportunidade, girou pra cima da marcação, mas chutou mascado, à esquerda da meta do time do ABC Paulista. De resto, só marcação dos dois lados.

Na etapa final, o São Caetano poderia ter mais iniciativa quando Lulinha recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso aos 2 minutos, por simulação de falta, mas não foi eficiente no ataque, mesmo com as entradas de Danilo Bueno, Cassiano Bodini e Geovane.

Momentos antes da expulsão, Vicente, em arremate de fora da área, quase surpreendeu Rafael Santos, que ficou torcendo para a bola não entrar. O mesmo Vicente, ala que sempre aparece bem pela esquerda, teve mais duas chances, mas Rafael Santos estava lá para garantir o 0 a 0.

Aos 45, Jael foi expulso por suposta agressão ao adversário e também deixou o Azulão com dez em campo, mas tempo insuficiente para o Ceará poder mudar a história do duelo.

Azulão comemora empate

O técnico Marcelo Veiga gostou do resultado, apesar de ter sido um tropeço do São Caetano jogando em casa. "Gostei da entrega e da disposição que eles tiveram em campo. O time vai evoluir muito ainda, talvez na 5ª ou 6ª rodada a equipe vai estar mais pronta. Vamos ter a parada para a Copa das Confederações, mas poderemos trabalhar melhor o entrosamento", afirmou o treinador em coletiva após o empate. 

Já o goleiro Rafael Santos, que fez seu primeiro jogo pelo Azulão nesta sexta, avaliou o seu desempenho e dos companheiros. "Foi boa minha estreia, com umas três defesas importantes no jogo, vim pra mostrar meu trabalho. Estamos começando um projeto agora, mas deu pra ver que iremos competir forte com times que também querem subir", disse.

Douglas Grolli, zagueiro recém-chegado do Grêmio, também justificou o resultado à falta de entrosamento do elenco. "Faltou criar mais jogadas, mas o grupo é novo. Com o campeonato em andamento, vamos entrosar melhor e os gols vão sair naturalmente", explicou.

O São Caetano vai ao Paraná, na terça-feira (28), enfrentar o Paraná Clube, no Vila Olímpica, enquanto o Ceará encara o Paysandu, no Estádio Presidente Vargas, também na terça.

Outros resultados desta sexta (24):

Oeste 1 x 1 Avaí - com gol de goleiro de Fernando Leal, nos acréscimos, para o time paulista;

BOA Esporte 1 x 4 Chapecoense - catarinenses surpreendem goleando fora de casa a equipe de Varginha;

Paysandu 1 x 1 ASA - Papão retorna à Série B sentindo falta do Estádio Mangueirão. Empate foi em Paragominas, cidade a 300 km de Belém, devido a uma punição do STJD.

VAVEL Logo