Assediado por europeus, Romarinho ganha aumento salarial no Timão
Gol contra o Boca Juniors transformou Romarinho em xodó da Fiel (Foto: Reprodução)

Depois de ter seu nome ligado ao Bayer Leverkusen, da Alemanha, Romarinho recebeu aumento salarial da diretoria alvinegra nesta quinta-feira (30). A decisão da cúpula corintiana faz parte de um processo de valorização das jovens estrelas do Timão. O desejo do atacante já era de permanecer no alvinegro e a renovação foi apenas mais um fator na decisão do xodó da Fiel Torcida, que tem contrato com o clube até a metade de 2016. O próximo atleta que deve passar pelo mesmo processo é o polivalente Edenílson.

Depois da conquista do Campeonato Paulista sobre o Santos, o presidente do Corinthians, Mario Gobbi, afirmou que só venderia Romarinho caso “um besouro fumasse maconha em seu olho”. E de fato o atacante não só permaneceu no Parque São Jorge, como foi o marco inicial de um novo processo de valorização do elenco corintiano.

O Bayer Leverkusen mantinha extremo interesse no atacante alvinegro e chegou a oferecer propostas que girariam em torno de 12 milhões de euros (aproximadamente R$  31 milhões). Entretanto, Romarinho, desde o início, demonstrou vontade de permancer no Corinthians e construir uma história no clube, que é dono de 40% dos direitos econômicos do jogador.

Romarinho, que chegou ao clube vindo do Bragantino após a disputa do Campeonato Paulista de 2012, tem 61 jogos e 11 gols marcados com o manto do Timão. Entre eles, se destaca aquele que o transformou em xodó da torcida e é o mais importante da carreira do atacante: o Corinthians perdia por 1 a 0 do Boca Juniors, na Bombonera, na final da Libertadores do ano passado e o camisa 21 veio do banco de reservas para anotar o tento que empatou a partida aos 39 minutos do segundo tempo – o Corinthians conquistaria o título após bater os argentinos por 2 a 0 no Pacaembu.

VAVEL Logo