Com um a menos, Penapolense-SP perde em casa para o Juventude-RS
Penapolense recebeu o Juventude no Tenentão e acabou estreando com derrota (Foto: Zuba Ortiz/VAVEL Brasil)

*Direto do Estádio Municipal Tenente Carriço, em Penápolis

Pela primeira vez disputando uma competição nacional e estreando em casa, o Penapolense esperava uma melhor sorte na partida deste sábado, diante do Juventude-RS, pelo Grupo A7. O time foi derrotado por 2 a 1 pelo time de Caxias do Sul. Com pouco mais de 1000 pessoas, no Tenentão, o time de Penápolis sofreu com  a falta de entrosamento e com a ausência de seus principais jogadores – que foram vendidos depois do Paulistão.

O primeiro tempo começou movimentado, o Juventude-RS mostrou que não queria esperar o Penapolense-SP tomar as ações do jogo e com 1 minuto de jogo, depois da saída errada do lateral esquerdo Alessandro, Diogo Oliveira e Bergson trocaram passe e no cruzamento, Rogerinho fez 1 a 0 para o time do Rio Grande do Sul.

Depois que tomou o gol, o time da casa foi para o ataque e não demorou para empatar, aos 9 minutos, Fio subiu e aproveitou cobrança de escanteio para deixar tudo igual no Tenentão.

Com o gol de empate, os dois times acabaram errando muitos passes e o jogo acabou perdendo o ritmo acelerado do início e só voltou a ter boas chances no final do 1º tempo, primeiro Zulu quase fez o 2º do Juventude e já nos acréscimos, o atacante salvou o segundo gol do Penapolense.

No intervalo, o técnico Luciano Dias que estreava no comando do Penapolense, substituiu Alessandro por Neílson, um dos reforços para a Série D. Mas o jogo mudou logo no começo da segunda etapa, quando Niander fez falta e acabou expulso pelo árbitro da partida. No lance seguinte, o time da casa reclamou de um pênalti que não foi assinalado.

Em uma jogada de velocidade e se aproveitando do fato de ter um jogador a mais em campo e depois do lançamento de Diogo Oliveira, Bergson fez o 2º do Juventude.

Com um a menos e sentindo a falta de um meia que armasse as jogadas, os volantes Liel e Heleno eram os encarregados de criar as jogadas do Penapolense. Uma das boas chances, porém, surgiu depois de um recuo de Romano que quase complicou o goleiro Fernando que isolou a bola com os pés.

Já com o time cansado e buscando o empate mais na base da vontade e sem organização, o torcedor do Penapolense viu Neto receber a bola na entrada da área e sem marcação, chutar para fora.

No final do jogo, o Penapolense tentou pressionar o time visitante, inclusive com o goleiro Samuel indo para a área nos escanteios, mas não foi suficiente para passar pela zaga do Juventude que garantiu os 3 pontos fora de casa.

Na próxima rodada, o Penapolense está no “chápeu” e folga, voltando a campo apenas no dia 7 de julho – depois da Copa das Confederações – às 16h, diante do Marcílio Dias, no estádio Hercílio Luz, em Itajaí-SC.

Outros resultados:

Grupo A1

Naútico-RR 1x2 Nacional-AM

Plácido de Castro-AC 1x1 Paragominas-PA

Grupo A3

Tiradentes-CE 1x0 Central-PE

Ypiranga-PE 1x1 Guarany de Sobral-CE

Grupo A4

Sergipe-SE 2x0 Vitória da Conquista-BA

Grupo A6

Aracruz-ES 3x5 Tupi-MG

Araxá-MG 0x1 Nova Iguaçu-RJ

Grupo A7

Marcilio Dias-SC 1x1 Santo André-SP

Grupo A8

Lajeadense-RS 4x4 J. Malucelli-PR

Botafogo-SP 1x2 Metropolitano-SC

VAVEL Logo