Flamengo perde para o Náutico e fica na vice-lanterna do Brasileiro
Flamengo e Náutico fizeram jogo ruim em Florianópolis

Pela quarta rodada do Brasileirão, o Flamengo recebeu o Náutico no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, e continuou sem vencer no Brasileirão. O time pernambucano conseguiu somar os primeiros 3 pontos na competição graças ao gol marcado por Rogério na etapa final. A situação do técnico Jorginho no time carioca começa a ficar complicada, já que a equipe está na penúltima posição na tabela.

No lado rubro-negro, Jorginho modificou mais uma vez o time devido a necessidades e também por questões técnicas. Marcelo Moreno e González estão em suas seleções e Ramon está machucado. Com isso, João Paulo jogou na esquerda, Wallace entrou na zaga e o ataque foi formado pelo trio Rafinha, Hernane e Paulinho, com o meia Gabriel ficando no banco. No Náutico, o interino Levi Gomes promoveu a entrada do goleiro Gideão na vaga de Felipe como grande novidade para a partida.

O Flamengo começou o jogo tomando a iniciativa, tocando bem a bola, mas com dificuldade nas finalizações. A primeira boa chance surgiu aos 13 minutos. Luiz Antônio cruzou pra área e Renato Santos cabeceou com força, mas o goleiro Gideão fez boa defesa e evitou o gol. Aos 25, o Náutico respondeu. Contra-ataque puxado por Maranhão, ele tocou para Jones na área, que chutou fraco para boa defesa de Felipe.

O jogo ficou morno na segunda metade da primeira etapa, com as equipes errando muitos passes e sem conseguir finalizações a gol. Só aos 39 minutos, Rogério, em boa jogada individual, ganhou de Renato Santos na velocidade e chutou na rede pelo lado de fora. Assim, a partida foi sem gols para o intervalo.

O segundo tempo começou da mesma forma que o primeiro terminou, com os times pouco inspirados em campo. Antes dos 15 minutos, Jorginho promoveu as entradas de Val e Gabriel no Flamengo, nas vagas de Paulinho e Rafinha e o time deu uma leve melhorada. As chances de gol foram escassas e aos 28 minutos, Hernane desperdiçou a maior delas. Após cruzamento de Val, o Brocador só resvalou na bola de cabeça e mandou pra fora.

Até que aos 37 minutos, o Náutico abriu o placar. Hugo fez grande jogada pela esquerda e cruzou na medida para Rogério, livre, fuzilar para o gol. 1 a 0. Nos minutos finais, Renato Abreu tentou fazer um gol com a mão e acabou sendo expulso. O Flamengo ainda teve uma última chance em chute de Gabriel, mas a  bola foi pra fora e a vitória do Náutico foi confirmada.

VAVEL Logo