São Paulo e Grêmio ficam no empate em Porto Alegre

Na noite desta quarta-feira (12), O Grêmio recebeu o São Paulo em casa, pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro e ficou no empate de 1 a 1 sobre a equipe paulista, em Porto Alegre. Ambos buscavam fechar a rodada no G-4 - antes da pausa para o ínicio da Copa das Confederações - e voltar com mais tranquilidade na próxima rodada, daqui à um mês. Os gols saíram dos pés de Luiz Fabiano do São Paulo, e Kleber dos donos da casa.

 
Era de esperar um jogo de tensão, para ambos os lados. Paulistas e gaúchos  seguem na competição com situação parecida. Investimentos e expectativas foram
impostos nos respectivos clubes, porém os resultados quase não foram vistos. 
 
O jogo deu inicio truncado, com muita faltas e poucos passes precisos. Porém, o São Paulo se posiciona melhor nos minutos iniciais e mantém a posse de bola com mais tranquilidade. Com isso, os visitantes acabam controlando a partida e seguindo com mais chances de gol.
 
Porém, os gremistas chegam assustanto aos 10' com cruzamento fechado de Zé Roberto, que chega em direção a Barcos e por pouco
não balança as redes para o Grêmio.
 
O São Paulo responde pressão logo em seguida, aos 13'. Após roubar a bola do adverário, Ganso toca para Luis Fabiano, que sai com velocidade para dentro da área e chuta cruzado, passando com perigo à frente de Aloisio que deixa escapar e quase completa para a equipe de Ney Franco.
 
O Grêmio começava a explorar mais o lado esquerdo do ataque, aonde o Tricolor tentava suprir cobrindo os espaços e não deixando que a pressão aumentasse. Com isso, os visitantes buscavam pelo meio a chance de uma finalização. E ela veio aos 41', quando Douglas dá belo passe para Luis Fabiano, que conseguiu escapar da marcação e chutar de bico no cantinho da trave, que ajuda a morrer no fundo do gol de Dida.
 
A etapa complementar começa com um Grêmio mais agressivo e com mais velocidade. A pressão diante do São Paulo era ainda maior, já que buscavam a reversão no
marcador. A resposta de tal pressão veio aos 21'quando Pará toca para Elano, que chuta preciso e de primeira para o gol. Porém, a bola pega na trave e, na volta, Barcos até tenta, mas não consegue finalizar.
 
Os donos da casa seguia dominando o segundo tempo, tanto pelo lado esquerdo quanto pelo direito. O são paulo chegava tentando equilibrar o jogo, mas ainda sim sofria com os sustos do advérsário sobre Rogério Ceni, que  tinha que trabalhar o dobro. Aos 41', o Grêmio colhia o fruto da semente que plantava durante a etapa final. Em cobrança de escanteio de Zé Roberto, Souza desvia para Kleber, que livrinho,
toca para o fundo do gol de Rogério Ceni. 
 
Com o empate, gremistas e paulistas permanecem com oito ponto. Porém, o São Paulo segue em sexto, devido ao saldo de gols. Os times só voltam a jogar dia 7 de julho. 
O São Paulo enfrenta o Santos, no Morumbi, enquanto o Grêmio visita o Atlético-PR.
VAVEL Logo