Cássio pega pênalti de Rogério no final e Majestoso termina sem gols

Em um clássico muito movimentado, válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, São Paulo e Corinthians empataram sem gols e o herói da partida foi Cássio. Com menos de dois minutos para o encerramento da partida, Wilson Luiz Seneme apitou pênalti em favor do Tricolor. Rogério Ceni se posicionou para a cobrança, bateu no canto direito, mas o goleiro corinthiano caiu e fez linda defesa, para evitar a derrota alvinegra.

Apesar de o placar não ter sido inaugurado, se engana quem achou que a partida foi ruim. Pelo contrário, muitas chances foram criadas, mas a falta de pontaria de ambas as equipes foi a tônica dos noventa minutos. Com o resultado, o Corinthians permaneceu na 12ª posição, enquanto o Tricolor subiu para 15ª colocação mas viu a diferença para a zona de rebaixamento diminuir para dois pontos.

Agora, o São Paulo recebe o Náutico, lanterna da competição, na próxima quarta-feira (16), às 21h00. No mesmo dia, porém às 21h50, o Timão visita o Grêmio, na Arena.

Primeiro tempo é muito movimentado, mas sem gols

A primeira etapa foi muita movimentada com ambas as equipes criando muitas oportunidades, mas pecando na pontaria. Jogando em casa e empurrado pelo torcedor, o Tricolor começou mandando na partida, com Maicon aproveitando os espaços deixados por Guilherme na marcação e criando boas oportunidades. Na primeira, o camisa 18 recebeu na meia de lua e bateu rasteiro, tirando tinta da trave de Cássio.

Em lance muito parecido com a primeira oportunidade, Maicon recebeu pela esquerda, trouxe para o meio e bateu colocado, mas a bola passou ao lado da meta corinthiana. Muito mais perigo nos vinte e cinco minutos iniciais, o São Paulo levava muito perigo ao adversário e teve duas grandes chances de abrir o placar em bolas aéreas. Na primeira, Aloísio cabeceou fraco e deu na mão de Cássio, na segunda Maicon, sem marcação na pequena área, desviou mal um lindo cruzamento e desperdiçou a melhor chance do primeiro tempo.

Depois de um começo ruim, o Corinthians acertou a marcação no meio de campo e passou a criar boas chances. Romarinho recebeu em velocidade pela esquerda, passou por Paulo Miranda e bateu cruzado, mas Rogério Ceni fez boa intervenção e evitou o gol alvinegro. Minutos depois, Guilherme bateu falta da direita, Paulo André desviou no primeiro poste e Emerson Sheik apareceu nas costas de Douglas, desviando a bola com muito perigo.

Cássio pega pênalti no final e salva o Corinthians

Muito semelhante à primeira, a segunda metade da partida teve muita movimentação e pouca pontaria. Ambas as equipes criaram muitas oportunidades, mas a bola insistiu em não entrar. Buscando melhorar a postura da equipe em campo, Tite tirou Danilo e colocou Diego Macedo, lateral-direito de origem, como meia. Na sua primeira jogada, o ex-jogador do Bragantino fez linda enfiada de bola para Emerson, Rodrigo Caio escorregou e Paulo Miranda salvou o Tricolor.

A resposta dos donos da casa veio em cobrança de falta de Jadson, que Paulo Miranda desviou por cima da meta. Depois, foi a vez do Timão assustar na bola parada, com Paulo André arriscando um voleio da entrada da área após sobra de cruzamento de Diego Macedo. Minutos depois, Emerson Sheik teve grande oportunidade em lance muito semelhante a do começo da segunda etapa. O camisa 11 recebeu de Diego Macedo e, cara a cara com Rogério, tocou para fora.

Depois foi a vez de Rogério aparecer para salvar o Tricolor, após cobrança de Diego Macedo para a área, Paulo André mergulhou e desviou, mas o arqueiro são-paulino defendeu a queima roupa. Entretanto, o goleiro que realmente brilhou foi Cássio. Aos 43 minutos do segundo tempo o árbitro Wilson Luiz Seneme apitou penalidade de Diego Macedo em Reinaldo. Rogério Ceni foi para a cobrança, mas Cássio fez linda defesa, evitou o gol tricolor e garantiu o 0 a 0.

VAVEL Logo