Laor não acredita na contratação de Diego
Mesmo em licença, Luis Álvaro falou sobre o Santos (Foto: Divulgação)

O Santos negocia com Diego há mais de um mês e conta com a palavra do jogador para o retorno ao clube que o projetou. Mesmo assim, em entrevista à Rádio ESPN, o presidente Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, afastado por licença médica, disse não acreditar na repatriação do ídolo santista.

"Não acredito (na contratação de Diego), é muito dinheiro envolvido", ponderou Luis Álvaro. Antes de acrescentar que só sabe do que acontece no Santos pelo noticiário, e que não se envolve em negociações, por 'questões éticas' com o presidente em exercício, Odílio Rodrigues.

As bases salariais do meia já estão acertadas e beiram em cerca de R$ 600 mil mensais, com generosas luvas. A barreira é a liberação por parte de Wolfsburg (ALE), detentor de seus direitos até julho de 2014. A tendência é que um pré-contrato seja assinado em janeiro, e Diego atue com a camisa santista após a Copa do Mundo, já que o Santos não pretende investir no atleta para jogar apenas por seis meses.

E o presidente Laor, que está morando em São Paulo, pretende descer a serra para acompanhar jogos do Santos na Copa São Paulo de Juniores e Campeonato Paulista. Sua licença médica vai até julho e o presidente não sabe se retornará às atividades antes ou depois do previsto.

 
VAVEL Logo