Lesão de Fred é grave, atacante deve ficar dois meses fora e preocupa Seleção
Em treino da última quinta-feira, Fred apontava para Walter o local onde sentia dor (Foto: Reprodução)

Nesta manhã, a assessoria do Fluminense, junto ao treinador Renato Gaúcho, informou à imprensa sobre a situação de Fred. Foi passado que o atacante ficaria 10 dias fora, devido à um edema localizado na parte posterior da coxa direita, mesmo local onde o jogador lesionou e, em 2013, os fez ficar fora dos gramados por duradouros 5 meses. Mas, conforme foi apurado, a lesão de Fred é de grau 2, o que exige mais tempo - até 2 meses.

Coincidentemente, na terça-feira, será divulgada a lista de convocados para jogo amistoso da Seleção Brasileira contra a África do Sul, que acontece no dia 5 de março. Fred, como ficará 2 meses sem jogar, não será relacionado. O que preocupa é que o mesmo amistoso será o último teste antes da convocação para a Copa do Mundo, que será divulgada no dia 7 de maio.

Fred não treinou nesta sexta. O atacante foi levado para um clínica na Zona Sul do Rio de Janeiro, para realizar exames. O camisa 9 do Flu sentiu dores na coxa direita em um treino de finalizações, o próprio aplicou um spray e seguiu treinando mesmo contundido.

O goleador, se possa assim ser dito, participou de apenas 3 jogos - contra Bonsucesso, Nova Iguaçu e Resende - em 2014, e ainda não marcou um gol sequer. Foi poupado nos últimos dois jogos, contra Bangu e Audax, e voltaria neste sábado para enfrentar o Flamengo.

"Lesão" é uma palavra que está sempre muito ligada a Fred. Desde 2009 no Fluminense, o jogador é assombrado e acompanhado por elas, as lesões. No último ano, 2013, o atacante teve seu pior desempenho desde que chegou ao clube. Foram 25 jogos e meros 8 gols marcados.

A nova lesão de Fred não preocupa apenas o Flumense e a Seleção, mas também a continuação da carreira do atleta, que aos 30 anos, já sofreu inúmeras lesões.

VAVEL Logo