Após 15 anos, Bahia enfrenta Galícia pelo Campeonato Baiano
Enfim, Emanuel Biancucchi poderá fazer sua estreia no Bahia (Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia / Divulgação)

Depois de ser eliminado precocemente da Copa do Nordeste, o Bahia volta a campo neste domingo (9), às 17h (horário local) contra o Galícia. As equipes não se enfrentam desde 1999, quando o Bahia venceu o Demolidor de Campeões por 4 a 1, com direito a três gols de Dimba e outro de Weslley. Equipes de tradição no estado, somadas possuem 49 conquistas no campeonato. Em situações totalmente opostas, é esperado um público baixo na Arena Fonte Nova. Recém eliminado da primeira fase da Copa do Nordeste, o Bahia vê no campeonato Baiano uma forma de esquecer o passado. O Galícia vem de quatro vitórias consecutivas, garantindo o lugar na segunda fase do Baianão.

No último treino, Marquinhos Santos fez um rachão entre seus comandados. Após recreativo, dedicou-se as cobranças de falta e escanteios. Após treino, os jogadores seguiram para o hotel onde a equipe fica concentrada. Uelliton ainda não assinou contrato com o Tricolor, mas já treina na academia do Fazendão. Galhardo e Zé Roberto estão se recuperando de lesões.

Emanuel Biancucchi pode estrear; Fahel retorna a equipe titular, Wangler é relacionado

Após um mês de espera, Emanuel Biancucchi foi regularizado e pode estrear na equipe. Porém, começará a partida no banco de reservas: "Emanuel deve ir para o banco nesse primeiro momento, para começar a se ambientar com os jogos", explicou o comandante tricolor. Sobre Fahel, que havia sido suspenso, o técnico do Bahia foi direto: "É uma situação que temos que usar a coerência. O Fahel saiu por cartão. O Miranda entrou e foi muito bem. Hoje o Fahel reassume essa titularidade, mas não quer dizer que ele será titular o ano inteiro. O Miranda ainda pode ganhar a condição de titular", afirmou Marquinhos Santos. Wangler, jogador com poucas chances no ano passado, também foi relacionado para o jogo.

Ricardo Silva estreia como técnico do Galícia

Ex-auxiliar técnico do Bahia nos anos 90, Ricardo Silva será um dos destaques fora das quatro linhas: vice-campeão da Copa do Brasil de 2010, ele estreia como novo treinador do Galícia. Ele substituirá Waguinho Dias, técnico do Galícia na Taça Governador do Estado e na primeira fase do Campeonato Baiano. Na quinta-feira, ele foi apresentado e comandou seu primeiro treino na equipe na última sexta (07).

Bahia poderá ter três gringos em campo após 74 anos

Com a regularização de Emanuel Biancucchi, o argentino pode fazer a sua estreia e juntar-se ao irmão, Maxi, e ao paraguaio Wilson Pittoni. Em 1940, última vez em que isso aconteceu, o Bahia tinha o meio-campo totalmente argentino: Hector Papetti, Dante Bianchi e Mario Giuseppe Avalle. Quando atuaram juntos, o Bahia foi campeão estadual de forma invicta. A primeira partida do trio ocorreu contra o Ceará, quando o Bahia goleou a equipe por 5 a 1, em pleno estádio Presidente Vargas.

VAVEL Logo