Jayme defende Erazo e diz que falhas foram de todo o time
Erazo em disputa com Conca no Fla-Flu (Foto: Reprodução/ Rossana Fraga / LANCE Press)

Há quatro dias da estreia na Libertadores, o Flamengo foi derrotado no clássico contra o Fluminense de forma preocupante, demonstrando vários problemas na defesa, falta de criatividade e de marcação no meio-campo. Um dos mais criticados, o zagueiro Erazo errou bastante na partida, mas foi defendido pelo treinador Jayme de Almeida, que disse que os erros foram de todo o time.

Após ser expulso na estreia, em sua segunda partida pelo Flamengo, Erazo participou de forma negativa nos três gols do Fluminense. No primeiro, marcado por Michael, perdeu no alto para o atacante tricolor, que cabeceou com liberdade. No segundo, marcado por Elivélton, deixou Gum cabecear livre para Felipe defender e o outro zagueiro do Flu fazer no rebote. No terceiro, afastou mal a bola, que terminou no pé de Chiquinho, autor do cruzamento pro gol de Walter.

Na entrevista coletiva após o jogo, Jayme respondeu sobre Erazo: "A falha não acontece sozinha, ela é da defesa, que deixou o rapaz saltar sozinho. Mas isso não pode voltar a acontecer. Jogar tudo nas costas do Erazo é maldade", concluiu. E ainda acrescentou que não decidiu se Samir voltará ao time titular contra o León, na quarta-feira.

Jayme ainda disse ter gostado da atuação do Flamengo no primeiro tempo: "Fizemos um primeiro tempo até bom, o Fluminense mais atrás, procuramos pressionar. Mas no segundo tempo falhamos muito mesmo. Falha nossa, falha minha também, minha defesa que falhou, tomou o segundo gol com 3 minutos e depois se perdeu", concluiu.

Nesta segunda-feira (10), o Flamengo deverá divulgar a lista de inscritos para a Libertadores. A estreia na competição continental acontece na próxima quarta-feira (12), contra o León, no México, às 22.

VAVEL Logo