Com moral da torcida e novo uniforme, Botafogo recebe o San Lorenzo no Maracanã
Torcida promete mais uma grande festa no Maracanã

Agora é pra valer. Após golear o Deportivo Quito por 4 a 0 e fazer uma grande festa no Maracanã, o Botafogo retorna ao estádio nesta terça (11) para estreiar pela fase de grupos da Copa Libertadores da América. A partida será contra o San Lorenzo, às 20h. O confronto promete ser mais disputado, já que o adversário é considerado o mais forte do grupo alvinegro, que também conta com Independiente del Valle (EQU) e Unión Española (CHI).

O Glorioso retorna à Libertadores após 17 anos de espera e tem seu primeiro duelo pela fase de grupos contra o time do Papa, o abençoado San Lorenzo. O time de General Severiano realizou o último treino nesta segunda (10) e joga com a mesma equipe que enfrentou o Deportivo Quito. A formação ficou: Jefferson, Edilson, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Lodeiro e Jorge Wagner; Wallyson e Tanque Ferreyra.

O alvinegro carioca entrará em campo de cara nova. A Puma divulgou nesta terça (11) o novo uniforme, que agradou a maioria dos botafoguenses. As camisas começaram a ser comercializadas pela manhã na loja oficial do clube. As principais novidades são o detalhe dourado na gola e a hashtag "#FuiEscolhido". 

O público presente no último jogo contra o Deportivo Quito, no Maracanã, foi de cerca de 50 mil pessoas. Para o confronto desta terça (11), a expectativa é de uma torcida menor. Até a noite desta segunda (10), mais de 12 mil ingressos foram vendidos. Estima-se que 25 mil alvinegros estejam presentes. Depois do mosaico com os dizeres "O Gigante voltou", a torcida prepara 12 mil balões de led para motivar o time.

Capitão alvinegro, Bolívar exaltou o apoio dos botafoguenses no último jogo e fez um pedido. "A gente espera o mesmo empenho e o mesmo carinho que vimos quarta-feira passada em busca da classificação. Ficamos muito felizes. A entrada em campo emocionou todos os jogadores. Não temos dúvida que torcedor vai comparecer, apesar do horário. Ele entendeu, viu que fez a diferença e pode fazer novamente", destacou o General.

Eduardo Húngador, comandante do Glorioso, também enalteceu o apoio da torcida. "A torcida do Botafogo deu um show e a nossa classificação foi conquistada com atuação direta da torcida. É uma competição especial. A gente vê o que acontece nos jogos fora, como as torcidas adversárias atuam nas partidas. A nossa fez exatamente o mesmo. Posso garantir a vocês que via os jogadores do Quito sentindo a pressão das arquibancadas. O papel da torcida foi fundamental, não só torceu como jogou, nos empurrou para aquela grande vitória. Temos certeza que vamos contar com apoio os 90 minutos", declarou.

Seu adversário, o San Lorenzo, estreou no Torneio Final com derrota. A equipe perdeu por 2 a 0 para o Olimpo e deve ter mudanças. Cetto é escalado na zaga titular e Kalinski no meio. O camisa 10 do time, Leandro Romagnoli, começará a partida no banco de reservas. A escalação da equipe do técnico Edgardo Bauza, campeão da Libertadores de 2008 pela LDU, ficou: Torrico, Buffarini, Cetto, Gentilleti, Más, Ortigoza, Mercier, Kalinski, Piatti, Correa e Blandí.

O trio de arbitragem será uruguaio. Roberto Silvera apita o confronto, auxiliado por Miguel A. Nievas e Nicolas Taran.

VAVEL Logo