De amarelo, Santos vence Comercial na Vila Belmiro

No encerramento da sétima rodada do Campeonato Paulista nesta terça-feira (11), o Santos recebeu o Comercial na Vila Belmiro e conquistou uma boa vitória por 2 a 0. Geuvânio foi o autor dos gols santistas.

A grande novidade da partida foi a camisa amarela utilizada pelo Santos, o terceiro uniforme da equipe é uma homenagem a Seleção Brasileira e por isso, o Comercial jogou todo de branco mesmo sendo o time visitante.

Com a vitória o Santos chega a 19 pontos e mantém a liderança no Grupo C com sete pontos de vantagem sobre a Ponte Preta já o Comercial está em quarto no Grupo A com quatro pontos e segue na zona de rebaixamento.

Na próxima rodada, o Comercial recebe o São Bernardo enquanto o Santos visita o Penapolense.

Geuvânio marca duas vezes no primeiro tempo

O jogo começou com o Santos pressionando a saída de bola do Comercial e aproveitando as roubadas de bola assustar o adversário desde o começo.

Aos 13 minutos, Cicinho recebeu livre na intermediária e deu um belo lançamento para Geuvânio que cortou William Simões e finalizou sem chances para o goleiro Marcelo Henrique.

Depois de ter a vantagem, o Santos recuou e esperou o time de Ribeirão Preto em seu próprio campo de defesa buscando acertar um contra-ataque para ampliar o placar.

Apenas aos 40 minutos a equipe conseguiu seu objetivo, depois de jogada mal ensaiada do Comercial que Mena roubou a bola e Leandro Damião partiu no contra-ataque e lançou Geuvânio que tocou na saída do goleiro pra fazer o segundo.

Damião tentou, mas não conseguiu sem primeiro gol

O Comercial começou pressionando o Santos no segundo tempo, mas a equipe errava as finalizações e aos 22 minutos teve seu lateral-esquerdo, William Simões, expulso por parar o contra-ataque santista com a mão.

Com 2 a 0 no placar e um jogador a mais em campo, o Santos passou a tocar a bola e a torcida começou a pegar no pé do time que partiu para o ataque.

Leandro Damião que ainda não marcou com a camisa santista era o jogador que mais buscava o ataque, mas perdeu as duas oportunidades claras que teve.

A primeira chance foi depois de cruzamento de Cicinho pela direita que Damião, livre, errou a cabeçada. Na segunda chance, Mena tabelou com Thiago Ribeiro e cruzou rasteiro para o centroavante que tentou de letra, mas a bola bateu na zaga.

Por fim, a partida terminou com o placar de 2 a 0 para o Santos.

VAVEL Logo